Sábados de Loucura #6 – Internet

Enquanto questionava o que poderia fazer para este novo artigo decidi olhar para as minhas cábulas e ver o que tinha para aqui apontado, deparando-me com a palavra “downloads“. Penso que downloads pode até ser um tema interessante mas acabo por perguntar o que tinha cabeça quando escrevi isto. Falo exactamente sobre o quê? Download de jogos, velocidade da internet, o facto de haver sempre um update de cada vez que quero jogar um jogo? Não sei bem ao certo qual era a ideia mas acho que a razão era bastante simples:

Queria reclamar da minha internet.

O que é que eu tenho a dizer? Neste momento se fizer um teste de velocidade o que recebo é “0.50Mb/s”. Embora no outro dia enquanto estava a fazer download de um jogo através da Microsoft Store até que cheguei a alcançar 1MB, o que me deixou contente (inicialmente o download começou como 500GB/s e fiquei incrédulo durante uns segundos enquanto via a velocidade a descer e descer até chegar ao número “normal”).

Isto não é um problema que devia ter pois os senhores que vinham instalar a fibra ainda não apareceram, e isto foi já há dois ou três meses atrás, por isso penso que eles tenham-se perdido pelo caminho ou então estão numa aventura épica que irão contar aos netos quando algum dia regressarem à civilização. Espero pelo menos que eles possuam comida e água suficiente para sobreviverem.

De cada vez que penso na semana em que estive em casa do Daniel Silvestre e a sua internet miraculosa que fazia download de 20GB em menos de 5 minutos (literalmente) e depois olho para a minha que necessita de mais de uma hora e meia para sacar um simples jogo de 2GB não posso deixar de imaginar como seria possuir uma internet com a mesma velocidade.

É chato ter que esperar que um jogo termine de fazer download, mas não é nada que não seja resolvido ao deixar a consola ou computador ligado durante a noite. Acaba por chatear sim quando tento ver algo através de streaming ou vod e a qualidade do vídeo descer ou não o poder ter maior que 480 porque caso contrário entrará num buffering eterno. Mas pior de tudo é de cada vez que ligo uma consola ou abro a Steam e lá tenho novamente um jogo com uma nova actualização, todas as semanas, todas. Uma pessoa quer simplesmente jogar um jogo mas todas as semanas existem pelo menos 5 updates diferentes de múltiplos jogos e eu não posso fazer nada para além de olhar e esperar.

Com a maneira em como os jogos continuam a ficar ainda maiores e a quantidade de actualizações que são lançadas todas as semanas, torna-se impossível continuar com serviços desta qualidade e a Stadia é um bom exemplo disso. Imagino que daqui a 10 anos pelo menos a maioria do mundo já possua fibra, mas a pergunta é se por essa altura a fibra seja suficiente para o resto da tecnologia que certamente também evoluiu entretanto.

Vejam aqui os cinco artigos anteriores:

5 –  Jogos que queria jogar em 2019

4 – Xbox Series X

3 – Personagens realistas em videojogos

2 – The Game Awards

1 – Introdução

Share

You may also like...

error

Sigam-nos para todas as novidades!

YouTube
Instagram