Análise – Various Daylife

Various Daylife é um dos vários que foram lançados nestes poucos anos que seguiram um pouco a direcção artística de Bravely Default. O jogo foi lançado originalmente em 2019 para dispositivos iOS através do serviço Apple Arcade mas chegou agora ao PC e consolas. Será que a adaptação para estas novas plataformas foi bem conseguida?

A premissa deste jogo centra-se na expansão do continente de Antoecia na era colonial, no qual precisamos de explorar, colonizar e ajudar as futuras gerações a com o nosso trabalho. A tarefa não se avizinha fácil, visto que toda a região está infestada de monstros que precisam de ser controlados e toda a cidade de Erebia tem os seus dilemas que iremos ajudar a resolver.

O nosso dia normal por Erebia poderá ser feito com exploração pela cidade para conhecer alguns dos seus habitantes, ir a lojas para comprar equipamentos ou recuperar energia, mas em circunstâncias normais iremos fazer trabalhos pequenos para acumular dinheiro que será útil para evoluirmos.

Estes pequenos trabalhos ou jobs poderiam ser um dos pontos mais interessantes do jogo mas não o são…porque pura e simplesmente não fazemos nada. Ao premir de um botão ficamos à mercê de uma percentagem de sucesso da missão em questão e em pouco mais de 5 segundos vemos o resultado da mesma. Não existe qualquer tipo de interacção, a personagem entra e sai de casa com o resultado.

As expedições que ocorrem fora da cidade são um dos pontos fundamentais deste jogo. Aqui iremos combater contra monstros, dar uso aos nossos equipamentos e fazer a história andar para a frente. Infelizmente também aqui a jogabilidade peca em oferecer-nos algo mais elaborado. As personagens deslocam-se sozinhas até ao seu objectivo num cenário bastante genérico e ficamos apenas à espera de random encounters que nos irão oferecer alguma acção.

O sistema de combate faz-sepor turnos que são facilmente executados e num sistema bastante normal. O estúdio trouxe para este jogo um novo sistema de três CHA, que se baseia em afectar os inimigos com elementos, tirar partido desta situação e conseguir infligir mais dano do que é habitual. Desta forma criamos combos interessantes ao usar e misturar vários elementos como água e electricidade.

O sistema de trabalhos está ligado às classes do jogo e irá dar-nos a oportunidade de evoluir a nossa personagem. Esta evolução reflecte-se em novas habilidades que podemos usar em combate e que tornam as nossas personagens mais maleáveis e ágeis. A evolução das personagens que fazem parte da nossa equipa é outra história completamente diferente, sendo que elas irão evoluir se tivermos dinheiro para gastar nelas fora das expedições.

Em teoria, Various Daylife é um jogo que tem elementos importantes para ser um jogo mobile, isto porque pode ser jogado rapidamente e as missões são feitas a uma velocidade bastante rápida mas que isso realmente não funciona quando passamos para outro tipo de plataformas como as consolas ou PC. Premeditado ao não, fica sempre a faltar alguma profundidade e complexidade ao jogo.

Various Daylife é um jogo que pode aborrecer os jogadores bem depressa. Sem dúvida que tem ideias boas e executa algumas de uma maneira interessante, mas os vários elementos pouco desenvolvidos deixaram-me a desejar por mais.

Positivo:

  • Sistema de combate dos três CHA
  • Banda sonora
  • Direcção artística

Negativo:

  • Mecânicas de jogo muito pouco desenvolvidas
  • Torna-se repetitivo após alguns minutos
  • Liberdade quase inexistente

 

Share

You may also like...

error

Sigam-nos para todas as novidades!

YouTube
Instagram