Análise: Muppets Most Wanted – Marretas Procuram-se

MUPPETS MOST WANTED

Na década de 80, a estreia da Rua Sésamo na RTP1 aplicou um impacto titânico na cultura portuguesa. Além da eterna dúvida sobre a cor do Poupas (amarelo ou laranja?), os Marretas que falavam a língua de Camões assinalaram a conquista do modelo americano no país do fado, cujo legado da animação infanto-juvenil, até então, estava umbilicalmente ligado a Vasco Granja, e aos desenhos animados do leste europeu (um duelo de ideologias políticas, que começava pela criançada).

Com as americanices à portuguesa da Rua Sésamo, abriram-se portas e janelas com novos conteúdos, nomeadamente, séries com carimbo DisneyTartarugas NinjaTransformers e o Pequeno Pónei. Do leque de actores convidados pela Rua Sésamo, emergiram alguns dos actores mais importantes da realidade audiovisual portuguesa (Alexandra Lencastre e Vítor Norte), acompanhados por uma verdadeira elite nas vozes dos bonecos (Manuel Cavaco dava a voz do Monstro das Bolachas).

MUPPETS MOST WANTED

A compra dos Marretas pela Disney, ofereceu um novo fôlego à franchise, nomeadamente no cinema. A adaptação cinematográfica foi entregue ao realizador James Bobin, que entendeu a dinâmica original, e explorou o lado cómico da quarta parede, das representações over the top e da ingenuidade infantil.

A sequela narra a troca de Cocas (voz de Steve Whitmire) por Constantine (Matt Vogel), o maior vilão da humanidade, que, por acaso, é idêntico ao líder dos Marretas. O elenco conta ainda com os hilariantes Ricky Gervais (Dominic Badguy), Ty Burrell (Jean Pierre Napoleon) e Tina Fey (Nadya). Para além dos Marretas (Miss PiggyFozzie e Animal), a película conta com os habituais cameos, onde se destacam Tony Bennett, Céline Dion, Lady Gaga, Zach Galifianakis, Josh Groban, Salma Hayek, Tom Hiddleston, Toby Jones, Frank Langella, Ray Liotta, James McAvoy, Chloë Grace Moretz, Danny Trejo, Stanley Tucci e Christoph Waltz.

muppets-most-wanted-ana-pn-img1

Não é fácil avaliar com rigor a realização de James Bobin, a narrativa exige sobretudo truques de edição e produção. Fundamentalmente, o trabalho do realizador, numa produção desta envergadura, exige planos que não revelam os actores debaixo dos bonecos, e liberdade de acção, para que a comédia aconteça.

Efectivamente, a edição é o melhor elemento técnico, com uma estrutura rápida e dinâmica, que encavalitam os eventos de forma imediata e segura, mantendo despercebida a introdução de novos cenários..

muppets-most-wanted-ana-pn-img5

O filme tem uma aura feel good em redor, que resulta numa experiência para toda a família. As músicas são “giras” e a comédia oscila entre as referências para os pais e o humor infantil, ficando num meio-termo que não é carne nem peixe. Os cameos são fugazes, e só podem ser desfrutados após uma visita ao IMDB. com.

Marretas Procuram-se prometia mais e melhor, os trailers de apresentação davam a entender que seria uma barrigada de riso à moda antiga, com diálogos inteligentes e humor contemporâneo/contextualizado. Publicidade enganosa. Eventualmente, se existir um terceiro filme, seria uma boa ideia integrar os criativos de marketing da Disney na equipa de escrita dos Marretas.

Positivo

  • Reencontro Nostálgico
  • Constantine
  • Ricky Gervais, Ty Burrell e Tina Fey
  • Números musicais

 

Negativo

  • Cameos supersónicos
  • Trailers mais divertidos do que o próprio filme

razoavel-oficial-an-pn-img

Share

You may also like...

error

Sigam-nos para todas as novidades!

YouTube
Instagram