Análise – Pandora’s Tower

pandoras-tower-analise-00-pn

Há uns anos atrás, eu não ligava nenhuma à minha Nintendo Wii. Aliás, só acabei por ter uma porque a minha família queria jogar Just Dance durante os convívios familiares (se alinhei ou não em dar uns passos de dança fica em segredo).

Contudo, foi esta a consola que me deu a conhecer melhor as franquias mais populares da Nintendo com jogos como Super Mario Galaxy, The Legend of Zelda: Twilight Princess e Metroid Prime Trilogy. A Wii também teve direito a vários jogos originais que se tornaram em pequenas relíquias escondidas sendo Pandora’s Tower uma delas.

pandoras-tower-analise-001-pn

Desenvolvido pela Ganbarion, Pandora’s Tower ia ser lançado originalmente em exclusivo no Japão. Graças à campanha Operation Rainfall, o jogo foi localizado e o público ocidental não só teve a chance de jogar este RPG como também Xenoblade Chronicles e The Last Story na Wii.

Em Pandora’s Tower seguimos a jornada de Aeron que tem de explorar as Trezes Torres em busca de carne de monstros para quebrar a maldição de Elena, o seu interesse amoroso. Mas não pode ser qualquer tipo de chicha, mas sim chicha de boa qualidade dos Mestres das torres.

pandoras-tower-analise-002-pn

Cada torre funciona como uma masmorra onde têm de descobrir qual é a sala onde está o Mestre. Para abrir a sala, têm que explorar a torre e destruir os pontos fracos das correntes que bloqueiam a entrada. Pelo caminho vão encontrar diversos monstros que também servem como fonte de chicha mas apenas funciona para atrasar a maldição da Elena.

Sempre que estão nas torres, existe um medidor de tempo que representa o estado da Elena. Com o passar do tempo, o medidor vai baixando e se chegar ao fim a Elena transforma-se completamente num monstro e é Game Over, portanto é necessário sair da torre algumas vezes para evitar isso.

Estas interrupções podem parecer chatas mas têm mais que tempo suficiente para explorar várias áreas das torres antes de ser urgente voltar para a Elena, e existem atalhos nas torres que permitem poupar tempo quando regressam.

pandoras-tower-analise-03-pn

No entanto têm que ter em conta que a Elena começa a mostrar pequenos sinais da transformação quando o medidor passa a ter menos de metade do tempo disponível, algo que a deixa sempre perturbada. Além disso, ela não gosta nada de comer a chicha dos monstros.

Inicialmente queria dar-lhe carne apenas quando fosse realmente necessário para aproveitar o máximo de tempo possível a explorar as torres. Uma vez regressei com o limite de tempo quase no fim e o estado de transformação estava tão avançado que a Elena quase não parecia a mesma. A partir desse momento, voltei sempre para ela antes de mostrar qualquer sinal de transformação.

pandoras-tower-analise-04-pn

E esse é o ponto mais forte de Pandora’s Tower, faz-nos preocupar com o bem-estar da Elena. Muitos jogos usam o típico interesse amoroso como principal incentivo para a personagem principal fazer seja o que for, mas raramente sentimos que há uma ligação. Aqui estão sempre a ver a Elena quando voltam das torres e sentem imediatamente o impacto das consequências das vossas acções, portanto têm sempre noção do vosso objectivo.

Interagir com a Elena é importante e ter uma boa afinidade com ela vai influenciar o final da história. Para além de evitarem que se transforma, falar com ela e oferecer presentes ajudam a aumentar a afinidade. Apesar de não ser uma guerreira, Elena faz-se útil ao traduzir documentos antigos que encontram ao longo do jogo. Esses documentos revelam mais informações sobre o universo do jogo e podem ser vendidos para que recebam mais dinheiro.

Para além de Aeron e Elena o resto do elenco de personagem conta com Mavda, uma idosa misteriosa que ajuda o casal e que leva o seu marido mongolóide às costas. Através dela podemos comprar, vender, criar, reparar itens e pedir informações enquanto o marido dela faz melhoramentos às armas… com a boca.

pandoras-tower-analise-05-pn

Para ajudar na nossa demanda, a Mavda dá-nos a Oraclos Chain. Esta corrente permite-nos obter a carne dos monstros e pode ser usada de diferentes maneiras, tanto no combate como na exploração. O sistema de combate mantém-se idêntico ao longo do jogo mas as várias formas como podemos utilizar a corrente evita que se torna muito monótono.

Com a  corrente podem agarrar nos inimigos em diferentes partes, atacá-los à distância, prendê-los enquanto lutam com outros, ou simplesmente atirá-los contra a parede. Também podem usá-la para atirar ou arrastar objectos ou alcançar certos locais.

Pandoras-tower-analise-06-pn

O jogo dá a possibilidade de jogar com o GamePad, algo que tentei fazer no início. Apercebi-me rapidamente que não é o comando ideal e mudei para o Wiimote e Nunchuck, o que torna mais fácil apontar para onde queremos lançar a corrente.

Tal como os restantes os jogos da Wii que chegaram à eShop da Wii U, Pandora’s Tower não teve nenhum tratamento visual, mantendo exactamente o mesmo aspecto que tinha antes.

Pandoras-Tower-analise-07-pn

Pandora’s Tower não traz nada de novo ao género, mas cumpre os requisitos mínimos para oferecer uma excelente aventura que mistura mecânicas interessantes com uma boa história. É mais um caso que prova como eu devia ter prestado mais atenção à minha Wii e que há ainda muitos jogos originais da plataforma que tenho de experimentar.

Positivo

  • Ajudar Elena dá um incentivo mais forte para continuar a jogar
  • Combate com os bosses
  • Vários usos da corrente

Negativo

  • Ver Elena a transformar-se num monstro
  • Torna-se repetitivo a meio da história
  • Não há muitos presentes para comprar

pn-muitobom-ana

Share

You may also like...

Subscribe
Notify of
guest
2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Ulisses Domingues

Este foi para mim um dos melhores jogos da última geração. Ofuscado pelos outros dois, Pandora’s Tower revelou ser uma agradável surpresa. 🙂

Recomendo este a quem o ignorou pela crítica o considerar o “mais fraco dos 3 grandes RPGs que saíram para a Wii”.

Kanudo

Eu nunca experimentei os outros 2 e agora fiquei mais interessado depois de jogar Pandora’s Tower.

error

Sigam-nos para todas as novidades!

YouTube
Instagram
2
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x