Análise – Kirby & the Amazing Mirror

kirby-e-the-amazing-mirror-ana-pn_00001

Continuando a nossa sequência de análises a jogos de GBA lançados no Virtual Console, eis que chegamos a Kirby & the Amazing Mirror, um dos jogos mais atípicos de Kirby que chegaram ao GBA.

Ao contrário da maioria dos jogos de Kirby lançados até à altura, Kirby & the Amazing Mirror não é um jogo de plataformas normal, mas sim um jogo de aventura e plataformas ao estio MetroidVania.

kirby-e-the-amazing-mirror-ana-pn_00003

Apesar de não ter um mundo gigantesco, caminhos interligados ou bloqueados por Power-ups (no real sentido da palavra) existem várias zonas para explorar que são de acesso livre, em vez de sequencial como nos outros jogos. Cada zona esconde um fragmento de um espelho que precisam de reunir para aceder ao Amazing Mirror e salvar o Meta Knight.

Embora para alguns possa parecer estranho ver Kirby a absorver poderes hoje em dia, a verdade é Kirby & the Amazing Mirror já usava este sistema, onde podiam engolir certos inimigos e consumir os poderes que funcionavam como uma forma extra para combater.

kirby-e-the-amazing-mirror-ana-pn_00004

Cada área tem temáticas diferentes e inimigos distintos, sendo que existem vários mini-Boss e um Boss final em cada zona que visitam.

Algo que pode estranhar a alguns, é a presença de vários Kirby na equipa. Estes funcionam como ajudantes e podiam ser controlados por até 4 jogadores com o uso de 4 GBA, 4 jogos e Link Cable. Apesar da inteligência artificial ser bastante fraca, podem sempre recolher baterias para usar um telemóvel que invoca os Kirby para vos ajudar.

kirby-e-the-amazing-mirror-ana-pn_00005

A transição de Kirby & the Amazing Mirror para a Wii U está ao nível dos outros jogos, e o visual mais cartoon acaba por não perder muito. No geral é um jogo atractivo, tanto no que toca a som e gráficos.

Embora seja um clássico de Kirby e do Game Boy Advance, este foi um dos que não joguei na altura e confesso que não me entusiasmou tanto como Advance Wars e Mario e Luigi Superstar Saga, não pelo factor nostalgia, mas porque prefiro muito mais o sistema de plataformas clássico em Kirby, além de que, o sistema MetroidVania não foi tão bem aproveitado quanto isso.

kirby-e-the-amazing-mirror-ana-pn_00006

Positivo são os mini-jogos que acompanham este jogo, que mesmo não sendo nada de outro mundo, são divertidos quanto baste.

Por isso mesmo, recomendo Kirby & the Amazing Mirror apenas para os fãs da bola cor-de-rosa (branca para os fãs mais antigos), ou para quem não goste das outras ofertas da Virtual Console lançadas até agora.

kirby-e-the-amazing-mirror-ana-pn_00002

Positivo:

  • Poderes que Kirby pode usar
  • Jogabilidade em plataformas típica da série
  • Mini-jogos extra engraçados

Negativo:

  • Sistema MetroidVania mal aproveitado
  • Inteligência artificial fraca
  • Caminhos mal estruturados

pn-bom-ana

Share

You may also like...

error

Sigam-nos para todas as novidades!

YouTube
Instagram