Análise – KickBeat Special Edition

kickbeat-special-edition-analise-review-pn_00007

Os jogos de ritmo são como algumas comidas, alguns adoram, outros, nem por isso. No meu caso não é que não goste, mas sou terrível a jogar, pois o meu sentido de ritmo é terrível.

KickBeat Special Edition faz de vocês um autêntico Bruce Lee, embora aqui lutem ao sabor do ritmo da música, com temas bastante diferentes e variados.

kickbeat-special-edition-analise-review-pn_00006

A história toma proporções cómicas, de forma a explicar como a música está ameaçada, e vocês, como o escolhido, precisam impedir um vilão de construir um monopólio com ela.

A campanha leva a personagem principal a viajar pelo mundo, para vários locais onde precisa de combater vilões. Mas não pensem que isto é um jogo de luta, como já disse antes, o ritmo é que controla tudo.

KickBeat Special Edition_20140920222539

Normalmente, o jogo envolve que tenham de estar no centro do palco, em luta, ou com auxílio de uma arma, atacando os inimigos pela ordem que surgem com o ritmo da música.Pensem nisto como um Guitar Hero onde usam os botões do Gamepad da Wii U para atacar, tão simples quanto isso.

Claro que o início é fácil, mas a coisa começa a complicar à medida que avançam, aparecendo mais inimigos, o que cria a necessidade de atacar dois ao mesmo tempo, e usar as habilidades especiais, que incluem multiplicadores de pontos e defesa instantânea.

kickbeat-special-edition-analise-review-pn_00001

Embora tenham de acompanhar a história, a ideia passa sempre por tentar somar mais pontos, e ganhar as 5 estrelas que só somam com boas pontuações.

Além da campanha existem os modos de treino livre, sobrevivência e free-play para praticar à vontade. KickBeat Special Edition não é um jogo muito longo, nem muito variado, mas ainda existem vários extras para coleccionar.

kickbeat-special-edition-analise-review-pn_00003

O visual não é nada de especial ou revolucionário. As cinemáticas são desenhadas e apelativas, se bem que os cenários onde jogam são pouco variados. Por outro lado, as músicas são bastante boas, com bandas como Celldweller, Blue Stahli, Pendulum, POD e até Marilyn Manson.

KickBeat Special Edition não é um jogo obrigatório, mas é uma opção bem divertida e agradável para todos os que gostam de jogos de ritmo.

KickBeat Special Edition_20140921101250

Positivo:

  • Sentido de humor da história
  • Prático de jogar
  • Boas músicas

Negativo:

  • Uma ou outra música mais deslocada
  • Poucos cenários
  • Demasiado confuso por vezes

pn-bom-ana

Share

You may also like...

error

Sigam-nos para todas as novidades!

YouTube
Instagram