Análise – Fallout Shelter


fallout-shelter-review-top-pn

É oficial! Fallout 4 está a chegar e na verdade era um jogo que muitos de nós esperávamos, agora o que ninguém esperava era um spin-off da série no Mobile. Mais interessante ainda é o facto do jogo ser free-to-play, o que fez muitas testas franzirem quanto à possível abordagem neste novo tema.

Fallout Shelter é a tal surpresa da Bethesda, baseando-se este num jogo gestão do nosso Vault – vocês sabem, os abrigos subterrâneos da série que nos irão salvar do holocausto nuclear – onde iremos criar as várias partes do mesmo e gerir o que lá acontece.

fallout-shelter-rev-10-pn

O jogo puxa novamente pelo tema sobrevivência e focando-se em três elementos muito importantes, electricidade, alimentação e água potável. Sem estes ninguém sobrevive dentro do Vault e isso que teremos de ter em conta para este jogo. Problemas como a radiação e os perigos externos também cumprem um factor importante mas iremos chegar lá.

Com estes elementos em mente iremos construir as várias parte do nosso Vault que as criam, centrais de purificação da água, restaurantes, etc. O que torna o jogo interessante é o balanço que temos de ter em quanto quando construímos cada um destes. Podemos ter imensos Caps – moeda do jogo – para comprar e expandir os restaurantes, mas poderemos não conseguir fornecer a electricidade que produzem e sempre que um elemento entra em défice, a barra fica vermelha.

fallout-shelter-rev-2-pn

No caso da electricidade certas infraestruturas do nosso Vault deixarão de funcionar, os restaurantes não irão alimentar os nossos cidadãos e a água disponibilizada chegará com muita radiação. Todos estes factores irão afectar a moral e vida dos residentes, sendo algo a ter em conta.

Factores externos também poderão afectar o jogo, desde infestações das baratas radiadas de nome Radroaches até a ataques de grupos, sendo que precisamos de preparar os nossos residentes, não só com armaduras como também com armas e que irão defender à morte o seu novo lar.

fallout-shelter-rev-6-pn

Os nossos Vault Dwellers ou residentes continuam a ser o ponto mais fundamental no jogo. É necessário tratar do seu bem estar, arranjar-lhes trabalho, criar condições e deixar o Vault oferecer-lhes o melhor. Não existem preocupações muito específicas, mas o conjunto no total é o ponto principal. Se eles ficarem expostos a demasiada radiação irão ressentir-se, é possível subir-lhes de nível por forma a que fiquem mais fortes para os perigos externos.

Interessante também é o facto de podermos enviar residentes para o exterior e recolher recursos para o nosso Vault. Como seria de esperar, podemos equipá-lo com stimpaks para se curar, arma e uma boa armadura para voltar sem perder a vida. É engraçado ver que existe um log que nos mostra por escrito o que está a acontecer em tempo real a este residente, desde fugir a monstros, a experiência que ganhou e etc.

fallout-shelter-rev-4-pn

Existem poucos pontos negativos a dizer sobre o jogo, mas uma das coisas que me chateou bastante nos primeiros dias foi a instabilidade do jogo no geral. Em certas alturas que o jogo tinha mais acção no ecrã desligava-se e isso aconteceu numa quantidade excessiva. A Bethesda apontou num design do jogo bastante directo e por vezes demasiado simples, mas na verdade é isso que acaba por tornar o jogo bastante viciante e acaba por esconder uma certa complexidade e que nos fará começar alguns Vaults do zero.

Palmas para a Bethesda por ter não só uma, mas várias oportunidades de conseguir colocar barreiras que poderiam ser desbloqueadas por micro-transacções e não o fez. O jogo continua a ter aquela onda de jogo mobile e simples para passar o tempo, mas torna-se praticamente o contrário dada à disponibilidade total com que se apresenta. Como é óbvio, têm a oportunidade de comprar mais recursos e ajudas para o jogo, mas são vistos como opções secundárias e não como inevitabilidades.

fallout-shelter-rev-5-pn

Mais uma vez a simplicidade domina e Fallout Shelter é a prova viva disso. É um jogo altamente intuitivo, desafiante, e demasiado simples em certos aspectos mas que acaba por ser altamente viciante. Alguns problemas de lançamento foram como uma pedra no sapato mas acabaram por ser rapidamente ultrapassados.

Eu queria evitar pensar na série até ao lançamento de Fallout 4, mas este jogo torna essa tarefa muito mais difícil. A Bethesda conseguiu lançar um título free-to-play mobile sem micro-transacções sufocantes e que chegou a ultrapassar Candy Crush no top da AppStore dos jogos com maiores receitas. E esta?

Positivo

  • Uma surpresa agradávelpn-recomendado-ana
  • Experiência simples mas que nos prende quase como uma obsessão
  • Fiel à série e a vários elementos da série Fallout
  • Ausência de sufocantes barreiras com micro-transacções
  • Free-to-play

Negativo

  • Lançamento atribulado
  • Demasiado simplista para alguns

pn-muitobom-ana

  • Silver4000

    Análise bem longa para um mobile game, estava com vontade de experimentar, embora não tenha o hardware necessário para o fazer.

  • Marcupial

    no android version? 🙁

  • Guilhathorn

    Quando a versão android sair vou ver se emulo no PC 😛