The Last of Us com Multiplayer

Ontem aqui no PróximoNível, alguns dos membros da nossa comunidade defenderam a ausência de multijogador em The Last of Us, como um jogo que ia ser focado exclusivamente no singleplayer.

Um dia depois, surge então a capa oficial e a confirmação de que The Last of Us vai ter multijogador.

Segundo o Playstation Blog US, quem fizer pré-reserva do jogo vai ter direito a alguns extras, como a banda sonora, um tema dinâmico e dois avatar para a PSN.

O multijogador surge no pack de pré-reserva da Gamestop com o nome Survival Pack, o qual os seguintes extras:
-Pontos de experiência extra para multijogador;
-Dano Extra para ataques físicos em multijogador;
-Mais dinheiro no início do jogo;
-Objectos especiais personalizáveis para multijogador;
-Dois fatos especiais para Joel e Ellie que são desbloqueados após terminar a campanha.

Agrada-vos a ideia de um multijogador em The Last of Us? Deixem a vossa opinião em baixo.

Latest posts by Daniel Silvestre (see all)
Share

You may also like...

Subscribe
Notify of
guest
20 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
derpsta

fiquei curioso com os extras que vão dar no multijogador, para quem fizer a pre reserva, pode ser que esse mp seja algo fora do comum

LFO

Ai Março, Março…já conto com 4 na lista XD

Kanudo

O jogo não sai em Maio?

LFO

my bad, melhor assim, menos um para adquirir em março 😀
já fui ver e tens razão, é mesmo maio.
A Sony não iria ter dois exclusivos a sair no mesmo mês, de certeza, sendo o outro o GoW: Ascension.

Kanudo

Parece que adicionaram o multiplayer só para terem extras nas pré-encomendas xD
Eu gostei do multiplayer do Uncharted mas espero que façam algo diferente aqui e tentem inovar um bocado. Era interessante misturarem os elementos de sobrevivência do singleplayer no multiplayer ou então criar um modo onde os zombies seriam um perigo constante para todos os jogadores durante uma partida de team deathmatch.

Nirvanes

Zombies deathmatch está tão na moda que é bem provável que exista.

Tiago Carvalho

Muito bom ainda vai ser melhor que eu pensava,candidato a GOTY para o ano.Acho que o online deve vir parecido com o Uncharted.

Arez

Isso dos GOTY já ñ digo nada… Ainda me está preso na garganta o prémio de GOTY dado ao The Walking Dead… -.-‘
Tanto bom jogo que saiu este ano… Só o Borderlands 2 mete o The Walking Dead num canto a chorar.

Em relação ao jogo, estou com boe curiosidade em experimenta-lo e agora ainda mais com a noticia do multiplayer. Vamos ver o que sai daqui.

LFO

Não sei porque pensas assim, os episódios jogáveis foram altamente, merecidissimo 😉

Vasco Neves

Por acaso jogaste o The Walking Dead para teres tanta certeza sobre isso?? É que ver-te a dizeres isso mostra que não o jogaste definitivamente. Não digo que o Borderlands 2 seja um mão jogo, mas o The Walking Dead foi a grande surpresa deste ano indiscutívelmente, e não é por ser um point and click que não merece também estar entre os melhores.

Arez

Boas,
Estás bem enganado, por acaso até joguei e para dizer mais, passei o 1º episodio td até ao fim e digo e volto a dizer. Nunca na vida o The Walking Dead merecia ganhar o GOTY deste ano!

Vasco Neves

Então joga os restantes, posso garantir-te que o primeiro episódio, além de ser o mais pequeno é o menos bom dos 5. Quando vires o final vais concordar comigo 😉

Nirvanes

Pelo menos joga os episódios até ao fim para saberes do que estás a falar na plenitude. Obviamente que não compreendes a imersão e o porquê de ser GOTY… Aliás o que me incomoda não é tu discordares mas a forma como tu discordas e como dás a tua palavra quase como ‘verdade absoluta’.

‘Tanto bom jogo que saiu este ano… Só o Borderlands 2 mete o The Walking Dead num canto a chorar.’

‘Podia dizer aqui mts jogos bem melhores que este, mas acho que basta dizer apenas um “Far Cry 3”.’

Pronto e os FPS’s têm de dominar o gaming world para sempre.
Provavelmente nunca mais verás um point and click ser GOTY, pelo menos o público teve a ousadia de fugir do resto. E olha que o Borderlands 2 ganhar o melhor Shooter e MP já foi uma grande vitória.

Arez

Sim realmente eu ñ joguei tds os episódios mas mesmo assim mantenho o que disse.
Talvez quando passar tds os episódios possa mudar de opinião, mas duvido mt 😛

Nirvanes

Eu não estou a dizer que vais mudar de opinião, tu tens direito a ela, mas acho que estás convicto demais que o jogo não devia ser GOTY sendo que tu não o jogaste. Eu sei porque é que o jogo foi GOTY, mesmo dentro de todos os bugs, foi um jogo que marcou pela diferença e que fez uma adaptação espectacular ao que é a BD. É um jogo que te faz preocupar e é um jogo que te pode fazer chorar. É um jogo que te faz esperar ansiosamente pelo que vem a seguir. E que te faz esperar (ou fez) por cada episódio tornando aquele espaço de tempo um muito importante tempo de reflexão. Sinceramente acredito que o jogo jogado todo seguido não tem tanto sentido como o que nos foi dado com o tempo de espera.

Eu não sei como está o Borderlands 2 nem o Far Cry 3, não joguei, parecem-me optimos… mas eu pelo menos sei o porquê do GOTY deste ano ter ganho o prémio. E acho que tu, mesmo não mudando de ideias, deverias procurar saber também em vez de afirmar tão afincadamente que é uma injustiça. (E eu até acho que o Journey provavelmente merecia mais – mesmo não o tendo jogado)

Nirvanes

Opá estou um pouco desiludido, já o disse. Queria que fosse um SP only, um jogo que não estivesse focado em mais nada do que fazer uma grande jornada para o jogador, com muitas horas de história – porque este jogo tem muito para contar e explicar – e agora tenho medo que tudo isso esteja em risco por causa da produção de um MP.

Geralmente corre mal quando se quer fazer tudo ao mesmo tempo… e tudo bem. O que o Uncharted tinha em MP, faltava-lhe em história (e em duração).

Este jogo não precisava de MP para fazer sucesso comercial, temos visto a quantidade de expectativa que tem criado e nenhuma dessa expectativa (pelo menos na minha leitura) se deve a um possível MP. Veja-se os Batman’s da Rocksteady, que são dos melhores jogos de acção/aventura da geração, tanto tecnicamente como em termos de história, e vivem perfeitamente bem sem esse modo.

Eu sei que existem mil justificações, que o MP acrescenta ao jogo e que atrai mais gente. Eu sei que o modo MP é um deal breaker hoje em dia… que um jogador mais facilmente compra um jogo com MP do que um SP only. Mas eu não concordo com isto, não consigo…Simplesmente acho desnecessário.
Ou faltou coragem à Naughty Dog ou a Sony pressionou (aposto mais nesta hipótese) para que isto acontecesse. Agora a ver vamos…

Como é irremediável, pelo menos que seja um Co-Op. Mas por amor de deus, não sacrifiquem a história para fazerem um bom multiplayer.

Como dizia um professor meu, o bom é inimigo do óptimo.
Espero que esse não seja o caso do The Last of Us.

(Nota especial para a capa que está boa, mas em especial para a tipografia porque tenta algo diferente do usual… para além da própria fonte das letras ser muito bonita, a justificação à esquerda dá-lhe outro ar e outra força. E corta, como já disse, com o que é normalmente feito. Por isso parabéns aos designers da Naughty Dog.
Outra nota especial também para a banda sonora. Sou fã do compositor! Aqui espero 🙂 …)

Darks

You said it all, my friend. x)

Rui Jorge

Concordo em partes contigo, mas a ND já disse que não vai sacrificar a campanha para fazer o Multiplayer!
E eu sinceramente acredito na ND, pois ela nunca me desapontou.
Abraços!

Nirvanes

Dizer dizem todos 🙂 fazer é que já não… Vamos ver! Eu quero acreditar na palavra da Naughty Dog!

Drakath

Por mim está tudo bem em ter multiplayer desde que não se foquem demasiado nele.
Este jogo chamou-me a atenção pela história e espero que não a estraguem devido a isto…

error

Sigam-nos para todas as novidades!

YouTube
Instagram
20
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x