Retro-Análise – Dizzy: The Ultimate Cartoon Adventure

Dizzy Cartoon Adventure_00002

O primeiro jogo da série do Dizzy, votado como o quinto melhor jogo do ZX Spectrum pela Your Sinclair, é um jogo que marcou a minha infância. É também um jogo que envelheceu bastante bem devido ao seu controlo fluído e único. Ao longo da minha vida fui jogando outros jogos desta série nas mais diversas plataformas, mas nenhum teve o impacto que o primeiro teve, apesar de serem todos bons.

Neste jogo nós controlamos o herói que dá o nome à série: Dizzy, um ovo com cara, braços e pernas que quer salvar o seu reino que está dominado pelo maléfico feiticeiro Zaks. Para o fazer precisa de criar uma poção com os três ingredientes secretos (uma peruca de duende, um pedaço de nuvem e uma pena de vampiro), cozinhá-los num caldeirão e de seguida invadir o castelo de Zaks e atingi-lo com a poção, restaurando assim a paz no reino.

Dizzy Cartoon Adventure_00005

O jogo é um misto de plataformas com puzzles: é fundamental apanhar os objectos correctos para usá-los no sitio certo. Por exemplo, começamos o jogo ao lado do caldeirão onde vamos cozinhar a poção secreta. No ecrã seguinte encontramos uma tocha. Depois de a apanhar voltamos ao ecrã inicial e largamo-la perto do caldeirão, o que vai “activá-lo”, estando assim preparado para receber os ingredientes.

Esta fórmula é repetida por todo o jogo e o engraçado é descobrir onde é que cada objecto tem de ser usado, o que leva a muito trial and error: usamos o pé-de-cabra em cima do alçapão para o abrir, o óleo perto da ponte levadiça para ela se erguer…

Dizzy Cartoon Adventure_00001

A componente puzzle está muito bem feita, usando um pouco o estilo point-and-click no sentido em que temos de descobrir onde usar os itens, e está complementada excelentemente pela vertente de plataformas. O modo como controlamos Dizzy é um pouco diferente dos outros jogos, pois somos um ovo e por essa razão rebolamos um pouco por todo o lado. No entanto o controlo é perfeito e se rebolarmos de um penhasco abaixo só nos podemos culpar a nós próprios.

Dizzy Cartoon Adventure_00004

No decorrer do Dizzy, vamos ter de evitar maçãs podres que caem das árvores, pássaros que voam de uma maneira aleatória e aranhas que barram o nosso caminho. No início do jogo apenas podemos evitar os inimigos (um toque neles significa menos uma vida) mas é possível (e essencial) apanhar certos objectos que podem destruir os inimigos. Por exemplo, ao equiparmos o insecticida podemos matar as aranhas esbarrando nelas. É bastante gratificante, até porque neste jogo os inimigos não fazem respawn.

Começamos com três vidas mas podemos ganhar mais algumas à medida que vamos progredindo. No entanto, ao bom velho estilo de antigamente, não há save-points nem continues, por isso assim que gastamos o último “ovo” voltamos à estaca zero. Isto traz-me a um ponto importante do jogo: a ponte do terceiro ecrã. Esta ponte pode desabar se calcularmos mal o salto ao cruzá-la, impedindo-nos de chegar quer a um lado quer ao outro.

Dizzy Cartoon Adventure_00003

O pior é que o desabamento é definitivo, ou seja, temos de recomeçar o jogo se num momento de distracção calcularmos mal o salto. Cruzar esta ponte coloca-nos numa autêntica pilha de nervos, até porque temos de o fazer várias vezes ao longo do jogo.

Dizzy: The Ultimate Cartoon Adventure é um dos expoentes máximos da era do Spectrum, ao lado de outros jogos como Chuckie Egg e Match Day. Os jogadores mais veteranos de certeza que vão gostar de reviver esta aventura do ovo mais famoso dos anos 80, ao mesmo tempo que é um óptimo ponto de partida para os jogadores mais novos que querem conhecer outra era dos videojogos.

Positivo:

  • Criador de um legado que perdura até hoje
    pn-recomendado-ana
  • Inteligente combinação de plataformas com puzzles
  • Jogabilidade recompensadora depois de dominada
  • A ponte do terceiro ecrã

Negativo:

  • Muito curto
  • Queremos uma Amiibo do Dizzy!

pn-muitobom-ana

Latest posts by David Rocha (see all)
Share

You may also like...

error

Sigam-nos para todas as novidades!

YouTube
Instagram