Especial – Jogos favoritos com dinossauros

turok-especial-destaque-pn

Apesar de estarem extintos há milhões de anos, os dinossauros capturaram a imaginação de milhares de pessoas desde que os seus fósseis foram encontrados, dando origens a todo o tipo de lendas, histórias, filmes, e claro, videojogos.

Para comemorar a estreia de Jurassic World nos cinemas, cada um dos membros da equipa do PróximoNível vai falar de um jogo que envolve dinossauros, quer seja um jogo que gostam muito ou porque a presença de uma criatura pré-histórica torna o jogo ainda melhor.

Aqui têm as nossas escolhas:

 

yoshis-woolly-world-especial-pn

Alexandre Barbosa – Yoshi’s Woolly World

Ora bem, um jogo com dinossauros… Super Mario World! Sim, falo do Yoshi, não do canalizador italiano que passa a vida a arranjar a canalização de castelos e não é pago pelo trabalho. Este adorável dinossauro verde que dá pelo nome completo de T. Yoshisaur Munchakoopas apareceu aí pela primeira vez mas o meu jogo favorito com este dinossauro é mesmo o mais recente, Yoshi’s Woolly World.

Em que outro jogo existe um dinossauro que queiram abraçar e levar para casa? Pela minha experiência cinematográfica posso dizer com 100% de certeza que não será nenhum dinossauro oriundo de Nublar. Neste jogo onde o mundo é feito de lã, os Yoshis vivem em paz e em grupo, até que um terrível e malvado sacana tenta desfazer estes dinossauros.

O que se segue é uma aventura que irei recordar para sempre como uma das minhas favoritas, pois para além de ter como protagonista o meu habitante favorito do reino do cogumelo, ainda tem o bónus de não trazer o Mario a reboque. Para saberem mais sobre este jogo terão que esperar pela análise, em breve aqui no PróximoNível.

 

Puzzle-Bobble-especial-pn

Catarina Perez – Puzzle Bobble

Tenho um problema com dinossauros. Farto-me de sonhar com a era Mesozóica e com 5 anos passava o tempo a olhar pela janela e a recriar paisagens mudando as estradas e os prédios para florestas tropicais com cascatas e muitos dinossauros. Não sei se é pelo facto de já se terem extinguido que me sinto “mind-blown” ou se é pelo aspecto épico que têm que eu os associo a universos paralelos. Queria deixar bem claro este síndrome que tenho de me sobre-impressionar com assuntos, exposições ou teorias relacionadas com este tema porque é um assunto marcante para mim, e o jogo que eu escolhi para este especial não faz justiça à grandiosidade arrepiante e factor “badass” dos dinossauros:

PUZZLE BOBBLE!! Um dos jogos mais viciantes de sempre. Para além de ser um puzzle de acção, é colorido, tem uma componente espacial e… AS PERSONAGENS PRINCIPAIS SÃO DINOSSAUROS! Apesar deste arcade parecer bastante simples e transparente, têm uma componente estratégica que proporciona um prazer enorme ao jogador quando é bem sucedida. O objectivo é rebentar as bolhas, fazendo pontaria com bolhas da mesma cor sem que o ecrã fique entupido e tentando fazer combos.

A história por trás disto tudo é que é um pouco estranha: Os dois dinossauros presentes em Puzzle Bobble eram humanos, dois irmãos, que foram transformados em dinossauros e que têm de passar por todos os níveis para poderem voltar ao mundo real e salvar as suas namoradas… Nada a dizer sobre isto a não ser referir que o processo de criação da acção foi óbvio: Fukio Mitsuji tinha uma ideia boa para um jogo-puzzle e uma ideia má para uma história. Como torná-la boa? Transformando os personagens em dinossauros! Era infalível. Ou em dinossauros ou em cheeseburguers. E o resto deixa de interessar, porque dinossauros são awesome enough.

 

golden-axe-especial-pn

Daniel Silvestre – Golden Axe

Pensar em jogos com dinossauros é fácil, agora pensar em dinossauros favoritos dos jogos já é mais complicado. Por acaso pensei no Gon de Tekken 3, mas ele não é bem dos videojogos, como tal, tinha de fazer algo mais badass com origem na indústria.

Foi então que vieram de imediato à cabeça os majestosos dinossauros pseudo-velociraptor do Golden Axe. Estes bicharocos além de serem fortes em combate, ainda conseguem cuspir fogo para realizar uns valentes churrasco de guerreiros medievais.

Qual a melhor coisa? Podiam roubar o dinossauro a um inimigo e usar em vosso proveito, o que diz que estes bicharocos são tudo menos fieis, transformando o próprio do dono em assado na brasa.

Golden Axe já é um jogo de barba rija, mas com dois jogadores montados em dois dinossauros é ainda mais badass, como tal, são os meus eleitos para esta lista.

 

jurassic-park-sega-master-system-pn

Luís Lemos – Jurassic Park (Sega Master System)

Não sou o maior fã de dinossauros ou de criaturas mitológicas, mas sem dúvida que adorei Jurassic Park e a representação destes seres milenários pela mente de Steven Spielberg. Se até lá o tema era mais um assunto para cientistas e escolas, passou a ser fixe gostar de dinossauros e até ter bonecos dos mesmos no nosso quarto.

Com o sucesso do filme surgiram também jogos que me passaram um pouco ao lado… excepto um. A versão da Master System foi uma das que acompanhou a minha infância e apesar de ter jogado uma outra versão na NES, esta pareceu-me a mais divertida e melhor, não só em termos do filme mas também por ser um jogo interessante.

Este não era um simples shooter onde faríamos o máximo para conseguir controlar os vários dinossauros que se soltaram no parque temático, mas sim um jogo com uma vertente puzzle que eu achei interessante. Apesar de podermos escolher a ordem dos dinossauros que queremos capturar, existe uma vertente ao estilo Mega Man que requeria alguma tentativa-erro.

Impressionante também era o departamento gráfico e a banda sonora. Os cenários estavam muito bem detalhados e os dinossauros bem fidedignos para uma consola tão limitada e isto graças à atenção ao detalhe e ao uso sem medo da palete de cores. A banda sonora também está retida na minha cabeça durante tantos e por falar nisso deixa-me ir ali ao Youtube

 

far-cry-3-blood-dragon-especial-pn

Mathias Marques – Far Cry 3: Blood Dragon

Não conheço muitos jogos que tenham dinossauros, poderia falar de Dino Crisis mas infelizmente só devo ter jogado cerca de cinco minutos da série, e por isso não tenho muita experiência sobre o jogo para poder partilhar convosco (no entanto ficaria interessado num remake tal como os Resident Evil estão a ter).

Poderia então falar de Digimon World mas sempre fui mais fã do Gabumon, portanto nunca joguei muito com o Agumon ou as suas digievoluções. Bem… somos obrigados a jogar com o Agumon sempre que iniciamos um novo jogo, por isso sempre cheguei a ter o meu Greymon, essa era a parte mais fácil…

De qualquer das maneiras, se tenho que falar sobre um jogo com dinossauros, vai ser Far Cry 3: Blood Dragon. Sim, tem dragão no nome, mas na realidade são lagartos gigantes que disparam lasers dos olhos, e ainda para mais, tem um aspecto neon que muda entre verde, amarelo e vermelho, o sonho de qualquer pessoa, em especial o Battle Dragon.

Ah Battle Dragon… podia descrever o quão épico este bicho é, mas um vídeo vale mais do que mil palavras.

Sobre o jogo em si, é uma óptima experiência mesmo para quem não conhece os anos 80. Usa o mesmo motor que Far Cry 3 por isso se jogaram um conhecem a casa do outro, e embora a campanha seja pequena, aquele ambiente retro futurístico com dinossauros vale todos os cêntimos que dei pelo jogo, bem como os vários comentários do protagonista Rex “Power” Colt.

 

dino-crisis-2-especial-pn

Roberto Silva – Dino Crisis 2

Nunca fui particularmente grande fã de jogos de survival horror mas sempre gostei (pelo menos dos primeiros 4) jogos da saga Resident Evil e só havia duas maneiras de a melhorar: sermos brutos samurais ou então os zombies passarem a ser dinossauros. Felizmente tivemos essas duas coisas, uma chama-se Onimusha, a outra chama-se Dino Crisis.

O primeiro Dino Crisis é algo que nunca me caiu bem pela tentativa forçada de ser aquilo que era. Era um survival horror que não sabia meter medo nem dar-nos um vislumbre de sobrevivência. Mas Dino Crisis 2 era isto e muito mais. Era o derradeiro jogo que evolui de um clone vegetativo para algo substancial e que revolucionou os jogos do género.

Afinal, quem é que não quer ser um T-Rex no modo Dino Duel ou então limpar hordas de dinossauros com um simples Compi?

 

the-lost-world-jurassic-park-arcade-especial-pn

Sérgio Batista – The Lost World: Jurassic Park (Arcade)

Jurassic Park é um filme muito bom. The Lost World? Nem por isso. Apesar de não ter o mesmo charme que o original, o filme deu origem a vários videojogos, nomeadamente a um jogo nas arcade com o mesmo nome.

The Lost World: Jurassic Park é um light gun shooter onde vão passar a maior parte do tempo a disparar (quem diria?) contra dezenas e dezenas de dinossauros que vos querem matar. Vão dizimar tantos dinossauros que provavelmente serão responsáveis por ficarem extintos novamente.

O jogo toma algumas liberdades e incluí cenas nunca antes vistas no filme, como confrontos com um deinosuchus, um crocodilo gigante, e um carnotauro, que por alguma razão tem um aspecto de uma iguana e consegue tornar-se invisível.

Mesmo que não seja uma adaptação directa do filme, The Lost World: Jurassic Park acaba por beneficiar disso. Aliás, o filme seria muito melhor se tivesse algumas cenas do jogo. Digam lá se não era giro ver alguém a disparam no ânus de um braquiossauro enquanto está a defecar?

———-
Gostaram das nossas escolhas? Não se esqueçam de comentar e partilhar connosco os vossos momentos favoritos num jogo que envolve dinossauros.

Share

You may also like...

Subscribe
Notify of
guest
6 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Raizor

Um FarCry no Parque Jurássico….meu sonho…mas bem feito

Lfo

Primeiro Womb Raider anyone?

Silver4000

Nop, can’t remember any Womb Raider.

Marcupial

i see what you did there

MisterRemedy

Esse Jurassic Park da Master System ainda hoje me atormenta!

E não, não é por ser um jogo assustador, mas sim porque sempre que precisava de fazer alterações no meu inventário tinha que clicar no “Pause”, um botão que não se encontrava no controlador mas sim na consola. O meu estragou-se, por isso nunca mais consegui jogar Jurassic Park 🙁

Kanudo

Antes deste especial, não sabia que os dinossauros no Puzzle Bobble eram humanos.
Realmente os jogos de puzzles têm sempre as histórias mais bizarras.

error

Sigam-nos para todas as novidades!

YouTube
Instagram
6
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x