Análise – Football Manager 2014 Classic

football-manager-classic-2014-pn-ana_00006

Antes de mais, tenho de confessar que não sou um grande expert em Football Manager, aliás, o máximo que fiz foi jogar um bocado de um há 4 ou 5 anos e foi durante uma época.

Apesar de serem brutalmente aclamados e adorados pela crítica e jogadores, esta foi uma série que nunca me chamou muito à atenção, pois não gosto muito da complexidade extrema que o jogo de PC apresenta.

football-manager-classic-2014-pn-ana_00004

Por isso mesmo, a versão Classic, que está ao nível dos jogos de gestão à moda antiga seria o ideal para mim, certo? Certo?

Pois é isso mesmo que Football Manager 2014 Classic é, uma passagem para a PS Vita do modo Classic do jogo deste ano, com muito menos complicações e confusões, um formato ideal para o novato como eu.

football-manager-classic-2014-pn-ana_00003

De facto, Football Manager 2014 Classic é bastante simples e directo ao assunto, embora continue a ser algo vasto para alguém que esteja pouco habituado ao género. Podem escolher a vossa equipa, quantas equipas vão integrar na liga, etc.

A gestão da equipa é igual à da versão de PC, sendo que a maior diferença passa por Football Manager 2014 Classic ser inteiramente controlado com o ecrã táctil, uma forma prática de escolher o que queremos, mas não tão eficaz como gostaria. Como o ecrã da PS Vita é pequeno, selecionar alguns menus mais pequenos ou circular por listas não corre de forma tão fluída ou prática como devia, e dei por mim a seleccionar opções ou jogadores por carregar ao lado.

football-manager-classic-2014-pn-ana_00005

Outra coisa onde Football Manager 2014 Classic falha é em explicar os nossos erros. Numa partida tinha um jogador lesionado que estava no plantel de convocados, o qual precisava de substituir, só depois de algumas tentativas é que percebi que tinha de o retirar até dos convocados no banco e que tinha de meter alguém a preencher o lugar no banco. Faz sentido, mas explicar o porque de me estar a dar erro era uma melhor função.

No que toca às partidas, Football Manager 2014 Classic é a primeira versão portátil a incluir 3D Match Engine que mostra o jogo a decorrer nos momentos mais importantes com um campo e jogadores em 3D. É uma boa forma de poder ver em tempo real a minha equipa a ser humilhada (já disse que sou mau neste tipo de jogos) vezes e vezes sem conta, ao ponto de ter sido despedido do Benfica (a equipa que escolhi treinar).

football-manager-classic-2014-pn-ana_00002

Algo que não podia faltar também em Football Manager 2014 Classic da PS Vita são os loadings massivos entre a passagem dos dias. A sério? São só números e letras, é assim tão complicado fazer isto mais rápido? Eu até percebo que possa acontecer no PC, mas numa portátil, o jogo precisa de responder mais depressa.

Uma boa introdução é a possibilidade de passar a vossa carreira entre o jogo no PC e a PS Vita. É uma boa forma de continuar a evoluir o jogo, mas também uma forma dispendiosa de o fazer, especialmente por ser necessário comprar as duas versões.

football-manager-classic-2014-pn-ana_00001

Football Manager 2014 Classic é Football Manager no verdadeiro sentido da palavra, mas não deixa de ser uma versão bem mais limitada do verdadeiro lançamento, o facto de ter apenas o modo Classic e uma zona de desafios é bom apenas para os grandes fanáticos que querem continuar a jogar longe do PC, ou para quem não tem a versão PC e pretende algo mais simples e directo.

Positivo:

  • Podem continuar a vossa carreira entre PC e PS Vita
  • Modo de desafios interessante
  • Usa o 3D Match Engine

Negativo:

  • Só inclui o modo Classic
  • Ecrã demasiado pequeno para certas funções
  • Loadings muito longos

pn-bom-ana

Share

You may also like...

error

Sigam-nos para todas as novidades!

YouTube
Instagram