Análise – Battle Princess of Arcadias

battle-princess-of-arcadias-analise-review-pn_00012

De tempos a tempos, surgem jogos japoneses que há 10 anos dificilmente seriam lançados na Europa ou pelo menos em Portugal.

Lembram-se de quantos jogos ao estilo Odin Sphere foram lançados por cá na era PS2? Lembram-se de quão difícil era encontrar um desses à venda, antes que os fãs de RPG os fizessem voar por completo das prateleiras? Pois bem, talvez esta seja a única altura em que consigo dar valor ao digital.

battle-princess-of-arcadias-analise-review-pn_00007

Depois de alguns meses do seu lançamento japonês, eis que chega até nós Battle Princess of Arcadias, um RPG de acção e combate a fazer lembrar o recente Dragon’s Crown, mas com alguns elementos e combate de outros RPG clássicos, onde até nem falta um piscar de olhos ao clássico Dragon Force.

Em Battle Princess of Arcadias jogamos no papel de Plume, uma princesa que resolve proteger o seu reino seguindo os ensinamentos de combate e a lei da espada. Ajudada por outras personagens que compõem o seu exército, Plume vai ter de desvendar o mistério que está a colocar o seu reino sobre ataque.

battle-princess-of-arcadias-analise-review-pn_00008

Apesar de lidar com alguns temas sérios e até a morte de personagens, Battle Princess of Arcadias recorre claramente a um estilo muito mais leve e alegre, seja desde os seus tons coloridos, até às suas personagens divertidas, ou diálogos cheios de trocadilhos e exageros.

A sequência do jogo está dividida em dois momentos, o de exploração das zonas da aldeia e do castelo onde podem interagir com várias personagens, ou visitar as lojas para comprar/vender coisas. Fora da capital, existem várias zonas selvagens com temas variados que podem visitar para avançar a história ou treinar as personagens.

battle-princess-of-arcadias-analise-review-pn_00002

Falando em treinar, esta é uma actividade que vão ter de repetir por diversas vezes em Battle Princess of Arcadias. Todas as personagens evoluem ao derrotar inimigos e é essencial que treinem as restantes, isto porque este não é um jogo propriamente fácil e uma série de golpes podem matar uma das personagens em menos de nada.

Em termos de combate, Battle Princess of Arcadias está dividido em vários tipos. Temos o combate normal directo ao estilo de um Beat-em-up como Dragon’s Crown onde derrotam os inimigos que vão surgindo, combates em exército onde controlam a vossa personagem e o estilo de abordagem do vosso exército, mudando entre formações de ataque, defesa ou outras, e por fim, outra variante onde lutam com todos os aliados ao mesmo tempo contra um qualquer boss.

battle-princess-of-arcadias-analise-review-pn_00006

Entre todos, o Skirmish é claramente o mais difícil e exigente, pois se o Siege depende apenas que as vossas personagens estejam evoluídas de forma equilibrada, controlar o ataque ou defesa do vosso exército em tempo real é exigente e complicado, especialmente quando ainda precisam de se preocupar com a vossa própria sobrevivência. É desnecessariamente complicado a meu ver.

Battle Princess of Arcadias ainda é um jogo longo que demora tempo a terminar, especialmente tendo em conta que é essencial evoluir as personagens de forma equilibrada e constante. Além do mais, existem várias formas de melhorar armas e encontrar novos objectos para evoluir o que já apanharam, por isso, vão sempre sentir que estão a evoluir de uma forma ou de outra.

battle-princess-of-arcadias-analise-review-pn_00004

Como podem ver pelas imagens presentes nesta análise, Battle Princess of Arcadias é um jogo visualmente bonito e apelativo, mas devido ao seu estilo artístico, as personagens acabam por ter uma série de movimentos e animações bem mais presas e que não fazem jus à maioria da arte usada neste género. Basta olhar para Dragon’s Crown para notar a diferença na fluidez.

De qualquer forma, seja pelo desenho das personagens ou dos cenários, Battle Princess of Arcadias é bastante apelativo e vibrante. As vozes incluídas estão todas em japonês e estão ao nível do que podem ver num Anime com o mesmo estilo de desenho e história. A banda sonora também está muito boa e foi a minha companhia novamente enquanto estava a escrever esta análise.

battle-princess-of-arcadias-analise-review-pn_00010

Mesmo não sendo o expoente máximo do seu género, Battle Princess of Arcadias é uma boa opção para os fãs de RPG de acção à moda antiga, ou de Beat-em-ups onde precisam de pensar antes de metralhar os botões. Se são fãs de mundos ao estilo Anime cheios de personagens estereotipadas e piadas claramente japonesas, então esta mescla resulta num jogo bastante bom.

Positivo:

  • Combate rápido que obriga a pensar
  • Mundo e personagens alegres
  • Visual apelativo
  • Personalidades claramente estereotipadas
  • Variedade de cenários e zonas
  • Boas vozes em japonês

Negativo:

  • É preciso gastar muitas horas em grinding
  • Animações algo robóticas
  • Skirmish é desnecessariamente exigente

pn-bom-ana

Share

You may also like...

error

Sigam-nos para todas as novidades!

YouTube
Instagram