Novo estudo comprova que conteúdos violentos não levam à violência

jogos-violentos-estudo-menos-violencia-pn-n

Uma vez mais, os estudos académicos comprovam que o consumo de conteúdo violento não equivale a violência.

Num estudo levado a cabo pelo psicólogo americano Chirstopher Ferguson e publicado pelo Independent, foram agregadas várias informações sobre períodos históricos e ocorrência de actos violentos, o que criou resultados bastante interessantes.

Ao contrário do que os mais negativistas apontam, seja entre filmes ou jogos, à medida que a violência aumentou e ficou mais explicita, foram registados cada vez menos casos de violência no mundo real.

A pesquisa apreciou o periodo entre 1920 e 2005 e existe um decrescimo de actos violentos, mesmo com o aumento e presença de conteúdo audiovisual mais violento.

Fergurson acrescentou ainda que utilizar algo como os videojogos e filmes como bode-espiatório, apenas distrai o público de pressões sociais, como é o caso da pobreza que poderá estar no centro dos actos mais violentos.

Uma vez mais, parece que estamos seguros dos monstros que tantos apregoam.

Share

You may also like...

error

Sigam-nos para todas as novidades!

YouTube
Instagram