Microsoft responde às afirmações de que a Xbox One é 50% mais fraca que a PS4

A Edge avançou recentemente com informações de que a Xbox One será mais fraca que a PS4 em 50%.

A publicação aponta para uma consola inferior à da Sony e dá exemplos: “…uma build corre a 30FPS na resolução 1920 x 1080 na PS4, mas correrá a ’20 e qualquer coisa’ FPS a 1600 x 900 na Xbox One.”

A Microsoft já respondeu oficialmente a estas declarações afirmando o seguinte:

“Há 10 anos atrás podíamos afirmar que o potencial da consola resumia-se a algumas das suas especificações, mas a Xbox One foi desenhada como uma máquina poderosa para trazer os maiores blockbusters de videojogos da actualidade e para a próxima década.

A arquitectura da Xbox One é muito mais complexa do que algum número conseguirá transmitir. Foi desenhada com um balanço na performance, e achamos que os jogos na fase final do hardware demonstrarão isso mesmo. No final de contas, deixaremos as consolas e os jogos falarem por si.” afirma um porta voz da Microsoft.

Nesta geração pudemos constatar que a Xbox 360 é ligeiramente mais fraca que a PS3, mas isso não significou sempre boas notícias para a Sony visto que apesar de ter exclusivos extremamente exuberantes, em alguns multi-plataformas ficou prejudicada.

Acham que irá acontecer o mesmo neste novo embate?

Latest posts by Daniel Silvestre (see all)
Share

You may also like...

Subscribe
Notify of
guest
33 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
LFO

Edge e Polygon são farinha do mesmo saco. #IMO

Nirvanes

A Edge tem uma critica bem especializada, e a Polygon tem uns artigos de opinião sobre cenas mais alternativas sobre os videojogos muito bons.

Silver4000

Tal como disse na outra noticia, deixem as consolas sairem e depois vê-se.

Ruben Correia

É assim eu sou adepto da Playstation desde que a 1ª consola saiu, e possuo todas as consolas, mas acho que ainda é muito cedo para fazer estas declarações que como se já se viu a Xbox está a voltar atrás na sua palavra em tudo, quem nos diz a nós que não dará uma mãozinha no hardware também?

_GM_

Digam-me se existe alguma geração de consolas onde a consola mais potente foi a vencedora…

Vasco Neves

Existe, chama-se PS2 😉

_GM_
_GM_

Não sei porque é que tenho dois votos negativos… e vídeo diz praticamente tudo.

Alistair

Deixa lá! Bem podiam argumentar, mas… natureza humana.
O vídeo levanta alguns pontos pertinentes , alguma coisas nem sequer sabia. Bom post! 😉

_GM_

Vale a pena ver os vídeos desse canal. Todos eles são muito bem informativos 😉

Majinalex

Eu ate nem sabia que a neo geo era uma consola caseira…pensava que era uma computador especializado para arcade machines..isto porque nao havia nada em portugal

Majinalex

Xbox era mais potente

Nirvanes

A Xbox era muito mais potente.

LFO

De pouco lhe serviu, gamecube idem.

Nirvanes

É aí que queremos chegar, a consola mais poderosa quase nunca ganha. Não é isso que faz uma consola melhor ou pior, por isso a Xbox One tem um argumento legítimo.

Vasco Neves

Ok, seja. Vamos uma geração atrás e a PS1 é vencedora nas 32 bits contra a Sega Saturn, apesar de aqui ter sido mais equilibrado.

Majinalex

N 64 era mais poderosa

Vasco Neves

O quê?? Dude, não te esqueças que a Nintendo 64 ainda era a cartuchos e a PS1 e a Sega Saturn não.

Majinalex

Yah, e esse era o unico handicap da n64 de resto superava as outras

Nirvanes

Quanto aos cartuchos:

‘After allowing Sony to develop a CD-based prototype console for them and a similar failed partnership with Philips,[2] Nintendo decided to make the Nintendo 64 a cartridge-based system like its predecessors. Publicly, Nintendo defended this decision on the grounds that it would give games shorter load times than a compact disc (and would decrease piracy). However, it also had the dubious benefit of allowing Nintendo to charge higher licensing fees, as cartridge production was considerably more expensive than CD production. Many third-party developers like EA Sports viewed this as an underhanded attempt to raise more money for Nintendo and many of them became more reluctant to release games on the N64.[citation needed]

Nintendo’s decision to use a cartridge based system sparked a small scale war amongst gamers as to which was better. The “media war” was spurred on no less by statements from top company executives themselves; one Nintendo magazine ad placed a Space Shuttle (cartridge) next to a snail (a CD) and dared consumers to decide “which one was better”.[citation needed] At the time, CD-ROMs did suffer from long load times (some games even featured “mini” games like Tekken that players could play while the real game was loading).’

E aí podes ler a comparação entre as especificações de ambas, a Nintendo 64 ganha. Até porque foi lançada um ano depois.

http://en.wikipedia.org/wiki/History_of_video_game_consoles_(fifth_generation)

Mestre Slip

Ahh, então quer dizer que, só por usar cartuchos, a Nintendo 3DS é inferior à PS1 porque esta usou discos? Loool

Desde quando é que o suporte dos jogos é sinónimo de potência de processamento? o.O

Vasco Neves

Ninguém falou da 3DS, mas percebo que querias ter dito Nintendo 64.
Trata-se do equipamento de ponta da altura.
Naquela altura começaram a implementar o CD nas consolas, e além de se poder jogar também se podia ouvir música, coisa que a Nintendo 64 nunca foi capaz de fazer.
Tal como acontece com a Xbox 360 e com a PS3, como o Bluray ganhou a guerra entre HD DVD e Bluray nos discos de longa capacidade, a PS3 ganha vantagem porque não precisa de vários discos para alguns jogos como a Xbox 360 precisa. Imagina um Metal Gear Solid 4 na Xbox, era impossível simplesmente.

Mestre Slip

Eu queria mesmo ter dito 3DS. Apenas e só para exacerbar as diferenças, uma vez que afirmaste que é o suporte que define o avanço/capacidade gráfica da consola. O que é uma completa parvoíce.

A PS1 podia ler discos, sim. Mas em termos de processamento, levava banho da N64. Prova disso são os títulos que a consola teve, que metiam os da PS1 (e restantes) num cantinho, cheios de vergonha (falando apenas no aspecto gráfico, fruto da elevada capacidade de processamento).

Ai um MGS4 era impossível? Num só disco, claro que sim. Mas em vários, não. E não me incomoda minimamente ter 3 ou 4 discos por jogo. Incomoda-me mais ter que instalar TODOS os jogos que possuo, a fim de os poder jogar.

Onde está o avanço dessa medida?

Vasco Neves

Para já nunca afirmei que a capacidade gráfica era melhor ou pior consoante o dispositivo de armazenamento físico, segundo, é impossível comparar uma consola caseira com uma portátil, isso sim é uma completa parvoíce. E sim, eu sei que a Nintendo 64 tinha uma ligeira superioridade no poderio em termos gráficos, mas não quer dizer que tivesse a maior tecnologia de ponta na altura.

Não estou a ver onde havia assim tanta diferença em termos gráficos entre PS1 e Nintendo 64, visto, se bem te recordas, a PS1 apadrinhou o Metal Gear Solid e o Final Fantasy VII que nas suas devidas alturas evoluíram de longe o poderia gráfico do que uma consola conseguia processar. O Final Fantasy VII foi o primeiro jogo em 3D e o Metal Gear Solid, mesmo com a sua longa idade, ainda hoje é bem jogável, ok, tu agora vais-me dizer que a Nintendo 64 teve o Super Mario 64 e o Zelda Ocarina of Time, certo e concordo contigo, mas se vires bem o grafismo não é assim tão diferente de uma para a outra, daí não concordar com a tua afirmação dos jogos da Nintendo 64 colocarem todos os jogos da PS1 a um canto.

Para começar, sabes quanto é que o MGS4 ocupa de espaço num Bluray?? Eu digo-te sem problema nenhum. 40 e tal Gb! Achas que era viável o jogo ir para a Xbox 360 e usar, sem brincadeiras, uns 10 HD DVD?? Pois, parece-me que não, por isso, o sistema usado para armazenamento físico de um jogo é muito importante para uma consola seja ela qual for. Quantos foram os jogos multiplataformas que nesta geração foram “encortados” devido à Xbox 360 não suportar Bluray?? Foram muitos, e alguns prejudicaram o próprio jogo além de o ter feito também para a consola da Sony.

Mestre Slip

Ai nunca afirmaste isso? Então vamos fazer um pouco de copy/paste. Quando afirmaram que a N64 era mais poderosa, tu vens com o fantástico – e hilariante – argumento de: “O quê?? Dude, não te esqueças que a Nintendo 64 ainda era a cartuchos e a PS1 e a Sega Saturn não.”

Tu não pegaste na velocidade do processador ou da gráfica. Não. Apenas apontaste o suporte usado. E depois ainda dizes que não afirmaste isso? Fantástico!

Não vejo qual é o mal de comparar uma portátil com uma consola caseira. E refiro-me aos moldes em que comparei, não numa comparação absoluta.

Tinha “uma ligeira superioridade”? Foda-se, tens a net à mão de semear, usa-a para te informares em vez de cagares postas de pescada dessas. Comparação:
Velocidade de Processamento da PS1- 33.8 MHz
Velocidade de Processamento da N64- 93.75 MHz

Essa tua “ligeira superioridade” é “apenas” quase o triplo.

E onde foste buscar a ideia de que FFVII foi o primeiro jogo em 3D? És burro ou simplesmente fanboy? Antes de falares, convém pensares que FFVII tinha personagens modeladas com polígonos, sim, mas que estavam inseridas em cenários pré-renderizados, ao estilo de Resident Evil ou Dino Crisis. Antes de vir o FFVII já estava no mercado um tal de Tomb Raider que, usando exclusivamente polígonos na concepção de personagens e ambientes, era verdadeiramente um jogo em 3D.

O grafismo não é assim tão diferente. Então agarra num Wave Race, num Pokémon Stadium 2, num Banjo Kazooie, num Conker’s Bad Fur Day ou num Legend of Zelda: Majora’s Mask e diz-me qual o jogo que possui melhores gráficos que estes e que corra numa PS1.

10? Bolas, nunca ouviste falar de DVD de dupla camada? Quanto muito usavam uns 5, no máximo (se o jogo ocupar até 43 GB).

“Encortados” não foram. Quanto muito foram encurtados. No entanto, isso é tudo do de cu? Fazes da 360 bode espiatório? Pior figura fez a Sony com as ports para a PS3. Jogos multi completamente rotos e com erros de código.

Não nego que o Blu-Ray ajudava bastante a Xbox360. Claro que sim! Mas numa consola dois anos mais velha que a PS3, queriam o quê? Não há magia -.-‘

Vasco Neves

Claro, tinhas de partir para o insulto. Farei o mesmo já agora, visto que abriste o teu reportório mais baixo. Ainda dizes tu que és aquele com “QI” acima da média, mas ao invés de ser elegante, perde a compostura e parte para o insulto fácil. Ser inteligente é também manter a calma nestas situações, mas ao que parece não sabes se quer o que é ser elegante, porque, tu és daquelas pessoas que tem a mania que tem sempre razão, que és mais esperto que os outros e que não há ninguém tão inteligente quanto tu. És uma pessoa fraca devido a isso.
Como costume continuas com a bela mania de sempre que és o senhor da verdade, que podes insultar tudo e todos sem conheceres a pessoa de lado nenhum, e ainda tens a peregrina ideia de pensares que tu és sempre o dono da razão em qualquer tema que seja, e ainda usas os argumentos fáceis do erro de escrita, visto que deves ser o senhor perfeito que nunca te enganaste na vida nem deste um erro ortográfico, porque claro, tu és o senhor perfeito, o herói de banda desenhada em carne e osso que nunca erra e faz sempre tudo certo.

Não passas de um parasita que pensa que é mais que os outros, e contigo não discuto mais nenhum tema, porque tu não mereces o tempo perdido.

Se achas que tens razão nessa tua opinião, fica com ela, banha-te e faz com ela o que tu bem quiseres, mas para mim vale zero, mesmo que tentes inverter as minhas palavras como sempre tentas fazer.

E mais, usas a Internet a teu bel-prazer para insultares, mas tomates para o fazeres à minha frente e que já te faltam, como já o provaste algumas vezes.

Desculpem aos restantes esta deprimência.
Um bem haja a todos.

Mestre Slip

Tenho para mim que não foi um mero insulto, mas sim o constatar de um facto. Desde cedo nesta conversa demonstraste ter uma falta gritante de informação e, como se não bastasse, isso não te impediu de afirmares verdadeiras mentiras. E como mentira é algo que não tolero…

Mantenho a calma com quem acho que merece, não com qualquer um. Se tivesses tido um discurso coerente, merecia-lo. Agora afirmando “inverdades” e desdizendo o que houveras afirmado anteriormente, assim não.

Não me considero o senhor absoluto da verdade. Aliás, quando vejo que erro, sou o primeiro a admitir e a reconhecer o erro. A questão é: onde é que nesta discussão tu conseguiste fazer ver que eu é que estava errado? É que, se não o conseguiste fazer, também não admitiste as tuas falhas. Tanto que agora preferiste escrever um texto de completo frustrado em vez de pegares nos meus argumentos para os confrontar,

Quem é, afinal, a pessoa fraca? Talvez a que se retira de uma discussão a insultar e a fugir ao tema…

P.S.- Oh amiguinho, queres que te diga tudo isto na cara? É quando quiseres. A diferença é que nas vezes que tivemos juntos, nunca me deste razões para isto. Simples.
No dia em que eu tiver medo de ti, corto as gónadas com uma colher romba e quente. Dir-te-ei tudo isto e, como ponto final, até te cuspo na testa, se me apetecer.

Odair Silva

so por causa do marketing e da pirataria, fato! e e em relação a mais potente da geração ps 2, isso é inverdade o proprio xbox era mais potente.

Cerberus Batista

sou fã da sony mas isso não me diz nada.

Odair Silva

eu estou na idade média e o consumo de agua ainda é armazenado em tanques.
eu consumo 1000 litros de agua por mes, mais dair eu pego um tanque de 3 bilhoes de litros. o meu visinho tem um de 2000 mil litros.
moral: O meu visinho vai esta bem atendido do mesmo jeito que eu por 30 dias. ja que o objetivo é abastecer o consumo mensal de agua. nem por isso o meu reservatorio é melhor ou estou estou a frente dele.

Majinalex

Pessima metafora man…tu ganhas a capacidade armazenar agua e vender e gerar maior potencial de lucro em zonas com pouca agua…serias o Milioanrio da idade media..
Quanto a necessidade, vemos o exemplo desta geração que precisa muito mais hardware se quer aguentar mais tempo vivo…

Odair Silva

tipo net rsrsrsr acho que fui longe com essa comparação.

mas enfim, acho que é cedo pra atribuir-mos superioridade de hardware ou potência grafica…quando ambos estiverem em ppleno vapor poderemos ver na prática… não nego as vantagens da sony, mas isso ainda é teoria e a diferença não é gritante e ainda duvido que esse será o fator determinante, o separador de aguas.

mart88

Considerando que a PS4 utiliza DRM5 é normal a ALU ser muito mais rapida pois os acessos da RAM são executadas com muito mais frequencia que DRM3 fazendo que este tenha desempenhos muito superiores em números “crus”, vai se verificar se esta diferença se nota quando sairem os motores de jogo de nova geração.
Um ponto que nao dizem aqui mas é referenciado na EDGE é que vários produtores revelaram não ter a certeza como funcionará o arrefecimento da PS4 as velocidades reproduzidas nos Dev-kits.

error

Sigam-nos para todas as novidades!

YouTube
Instagram
33
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x