Consegue Metal Gear sobreviver sem Hideo Kojima?

metal-gear-survive-destaque-00-pn

Após o lançamento de Metal Gear Solid V: The Phantom Pain e a saída de Hideo Kojima da Konami, o futuro da série Metal Gear parecia destinado a meras máquinas Pachinko. Apesar dos rumores de que iria abandonar o desenvolvimento de jogos nas consolas, a Konami esclareceu que nada iria mudar e que continuaríamos a ver novos jogos das suas séries, incluindo Metal Gear sem o envolvimento de Hideo Kojima.

Pelos vistos, a Konami não estava a mentir. No dia anterior, a IGN revelou Metal Gear Survive, um novo jogo stealth cooperativo até 4 jogadores que será lançado em 2017 para a PS4, Xbox One e PC. O jogo decorre durante os eventos finais de Metal Gear Solid V: Ground Zeroes com os restantes membros sobreviventes dos Militaires Sans Frontières a serem transportados, imaginem só, para um universo alternativo através de wormholes no céu. Agora têm de sobreviver num deserto com os restos da Mother Base cheio de “ameaças biológicas e, possivelmente, enfrentar um Metal Gear.

Como seria de esperar, a reação dos fãs ao anúncio de Metal Gear Survive não foi muito positiva, com vários a proclamar o início do fim da série Metal Gear. Pessoalmente, eu não tenho uma visão tão negativa do jogo. É verdade que fui apanhado de surpresa pela revelação de Metal Gear Survive e associei-o imediatamente a Umbrella Corps, um jogo que consegue entreter-me de forma irónica mas que não impediu-me de atribuir uma nota baixa na análise. Contudo, eu tenho expetativas que Metal Gear Survive não tenha o mesmo nível de qualidade de Umbrella Corps. Isso é que o mínimo que a Konami pode cumprir.

Metal Gear Survive parece apoiar-se bastante em Metal Gear Solid V, e quando digo apoiar, quero dizer que deverá reutilizar muitos dos assets e recursos já criados para Ground Zeroes e The Phantom Pain. Por um lado, isto é bom porque mantém a boa jogabilidade de MGS V e não precisam de dispensar tanto tempo a criar tudo de raiz. No entanto, não sei até que ponto Metal Gear Survive não poderia ser apenas um modo extra para o multiplayer de The Phantom Pain do que um jogo independente, mesmo que seja vendido a um preço mais reduzido.

Mesmo que não tenha dispensado muito tempo na vertente online de The Phantom Pain, eu tenho uma certa curiosidade em saber como será um jogo cooperativo de sobrevivência dentro do universo Metal Gear. Isto é sem dúvida algo diferente para a série, mas é evidente que a Konami jogou um pouco pelo seguro e opto pelo género mais popular de momento, uma vez que existem vários jogos de sobrevivência hoje em dia. Também não tenho a certeza como será acrescentado o lado furtivo na jogabilidade.

Não me faz confusão ver zombies ou criaturas com cornos de cristal na cabeça. A série Metal Gear já teve a sua dose de elementos sobrenaturais ou a fugir um pouco da realidade, sobretudo em The Phantom Pain. Lembram-se do tocha-humana? O Psycho Mantis puto? A moça que respira pela pele e precisa de estar semi-nuas porque razões?

Também não é a primeira vez que vemos um spin-offs a experimentar coisas novas. Tivemos um jogo de ação da Platinum Games, Metal Gear Rising, e dois RPG por turnos com cartas, Metal Gear AC!D, mas até esses jogos tiveram o envolvimento de Hideo Kojima de uma forma ou doutra.

metal-gear-survive-01-pn

Se excluirmos Snake’s Revenge , um jogo lançado em 1990 para a NES que serve como sequela do Metal Gear original, e talvez outros que me esqueci, Metal Gear Survive é capaz de ser o 1º jogo da série a ser desenvolvido sem Hideo Kojima, e isto assusta muitos fãs. Tal como referi na minha análise a MGS V: The Phantom Pain, “É certo que vai haver outros Metal Gear no futuro sem o envolvimento de Hideo Kojima. Talvez nunca vão ser tão bons como os anteriores, talvez até vão ser muito melhores, mas uma coisa é certa: não vão ser a mesma coisa sem ele.”

A verdade é que ainda não vimos nada do Metal Gear Survive, portanto é cedo para fazer uma avaliação final. Se não ficaram convencidos com o trailer ou se não gostam da ideia de ver mais um jogo de sobrevivência com zombies, dificilmente vão mudar de ideias. Por enquanto, estou de mente aberta e quero experimentar isto, mesmo que acabe por ser algo pior que Umbrella Corps.

Então e vocês? Quais são as vossas expetativas para Metal Gear Survive?

Share

You may also like...

Subscribe
Notify of
guest
2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
JPMatias

Para mim, mais vale a Konami fazer já o funeral à saga. Tal como já disse noutro comentário a propósito do anúncio, este jogo parece uma piada de mau gosto. Não é uma questão de não ser desenvolvido pelo Kojima, o grande problema é que isto é um desrespeito tremendo pelos fãs. É um golpe baixo que apenas visa lucrar com o nome da série. Tal como com o Resident Evil, eles não sabem respeitar o material de origem. É claro que os jogos de Metal Gear sempre tiveram elementos sobrenaturais, mas quem é que algumas vez pediu um jogo de sobrevivência?!
Assim, já percebi que a série não tem futuro nas mãos da Konami. Entre jogos para Pachinko e isto, mais valia terem estado quietos. Qualquer dia ainda vão conseguir transformar uma saga genial numa anedota.

Silver4000

Eu acho que toda a gente associou este jogo a Umbrella Corps assim que foi anunciado.

Sinceramente, é incrivelmente estúpido fazerem um spin off de zombies e coise logo apôs todos os problemas associados ao último jogo, e de o último jogo ter sido o final da história do Snake… família Snake…

A única salvação que o jogo tem é de usar excelentemente os sistemas de stealth de MGS V. Caso contrário é puto milking. Tragam antes do MGS3Pachinko, que é uma versão remasterizada bem melhor que a que saiu na PS3.

error

Sigam-nos para todas as novidades!

YouTube
Instagram
2
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x