Artigo Especial – O que esperar de Sonic The Hedgehog 2?

Com o sucesso financeiro do primeiro filme de Sonic The Hedgehog, baseado no clássico da Sega de 1991 de mesmo nome, a Paramount Pictures decidiu fazer uma sequela, que já se encontra na fase de pré-produção, a qual recebeu a data de estreia para 8 de Abril de 2022. Sabe-se que o director, Jeff Fowler, e os argumentistas, Pat Casey e Josh Miller voltaram a assumir os mesmos papéis de outrora, portanto pode-se esperar algo dentro do mesmo tom e padrão.

O filme contou com algumas personagens bastante conhecidas da franquia, como o próprio vilão principal Dr. Eggman e, na cena pós-créditos, com a presença de Tails “Miles Prower”. Assim pode se esperar que Tails venha a ter um papel muito maior no filme seguinte, o que até bate certo em termos da cronologia dos videojogos, pois tal como o próprio jogo original focava apenas em Sonic e Eggman, o segundo incluia já Tails e as Chaos Emeralds (que diferente do jogo de 1991 possibilitavam a opção de transformação em Super Sonic).

Por falar nelas, estas podem também ser introduzidas no próximo filme, quer seja sob a forma de cena pós-creditos, ou como objetos principais a coletar no filme por parte do protagonista, antes do cientista malvado lhes por as mãos em cima. Knuckles pode também aparecer, mas como referi anteriormente, se Fowler seguir a mesma lógica, será o terceiro filme que irá colocar esta personagem na história, apesar de membros do seu clã, já terem dado caras na cena inicial do primeiro filme.

Dr. Eggman ou Dr. Robotnik, como queiram chamar, encontra-se preso em Mushroom Hill Zone (Referência ao jogo Sonic & Knuckles de 1994, a expansão de Sonic The Hedgehog 3), como se viu no desfecho do filme. Assim esta personagem irá regressar ao mundo dos humanos, de alguma forma, e tentará ter a sua vingança de Sonic, que já contará com ajuda de Tails. A cena pós-créditos revela que Tails já sabe quem é Sonic e que o mesmo se encontra na Terra, mas como é que esta personagem aqui chegou e porquê de estar aqui?

Bem, sabendo que os anéis, neste universo cinematográfico servem como mecanismo de transporte entre dimensões, e que os mesmos haviam sido dados por parte de Longclaw a Sonic pode-se deduzir que esta personagem possa se encontrar viva, e tenha permitido a Tails encontrar o paradeiro do ouriço azul. Seja como for, e que alternativa o director queira tomar, a verdade é que a história tem vários caminhos por onde pode pegar, seja em continuar a adaptação parcial de alguns elementos dos jogos clássicos ou em adaptar algumas ideias e conceitos de jogos como Sonic Adventure ou de Sonic Forces. O importante é que as adaptações cinematográficas de videojogos continuem a melhorar e fazer jus às franquias que se baseiam.

Podem conferir a nossa análise ao primeiro filme, clicando aqui.

João Luzio
Share

You may also like...

error

Sigam-nos para todas as novidades!

YouTube
Instagram