Análise – Tengen Toppa Gurren Lagann

Informação Global:

  • Episódios: 27
  • Ano: 2007
  • Produtores: Gainax, Aniplex, Konami, Half H.P Studio, Bandai, Bandai Entertainment
  • Géneros: Acção, Comédia, Mecha, Ficção Cientifica,
  • Idades: +13
  • Linguagem: Japonesa

Num mundo dominado por Animes como Naruto e One Piece, a Aniplex e a Gainax uniram esforços para tentar criar um novo Anime épico capaz de agradar ao público masculino e feminino, jovens e graúdos. Assim nasceu Tengen Toppa Gurren Lagann, um Anime carregado de combates, comédia recheada de inuendos sexuais (ecchi) e espectacularidade.

Tengen Toppa Gurren Lagann retrata a humanidade num futuro próximo que vive debaixo da terra, em pequenas aldeias, sem qualquer conhecimento sobre a superfície.
Numa dessas aldeias vivem Simon, um rapaz tímido que tem como profissão escavar os solos expandindo a sua aldeia, e Kamina, um jovem sonhador e lutador com uma ardente paixão pela liberdade. Ambos formam uma união como irmãos, criando a unidade Gurren Brigade para escapar da aldeia.

Entretanto o aparecimento de uma criatura que colapsa sobre a aldeia vinda da superfície, e de uma jovem, levam Simon e Kamina, juntamente com o auxílio de um robô Lagann encontrado nas escavações, a salvar o dia. Aliando-se a Yoko, a esbelta rapariga, estes embarcam na aventura do mundo de cima onde vão travar intermináveis batalhas contra os Beastmen pelo direito de viver na superfície. Entre monstros e a humanidade, reina a lei do mais forte.

A história é bastante simples, cheia de emoções bem conseguidas, que vão da alegria à tristeza em menos de nada, tudo isto explorado ao limite. Temos partes em que existem discursos completamente impossíveis, sem um sentido inicialmente perceptível  mas mesmo assim, têm um sentimento épico que é difícil igualar. Tudo parece extremo, rápido e sempre no limite, com muita coisa a acontecer ao mesmo tempo. Não é simplesmente um Anime Shonen Mecha, é mais que isso, chega mesmo a ser uma paródia ao estilo do que outra coisa. Partes sérias, partes mais ecchi, partes parvas, calmas, dramáticas, aqui encontram de tudo um pouco. Estamos constantemente a ser bombardeados com acontecimentos e personagens novas, as quais conseguem cativar e surpreender o espectador.

Sendo um anime Shonen, podem contar com personagens idiotas que não se deixam prender por limites, que têm como objectivo o impossível e mais além, que se riem perante a morte e sonham alto com sorrisos na cara. Embora Yoko seja uma das grandes favoritas no geral, outras como Kamina, Nia ou Kittan acabam por ser grandes chaves para o desenvolvimento da série. A evolução de cada um mediante o decorrer da história é notória, a série conseguiu combinar as fraquezas do ser humano com a personalidade de cada um, criando identidades únicas que acabam por complementar as restantes. Na parte central do Anime, alguns episódios acabam por abrandar a velocidade da série, no entanto, toda a força e essência do Anime acabam por regressar perto do desenlace final.

Quanto à animação, esta é sólida, robusta, e até algo “underground” com bastante estilo o que acaba por atrair e ajudar Tengen Toppa a marcar a sua posição. O desenho e cor está no mesmo registo que os animes mais actuais, com cores vivas e atraentes, traços sólidos e animação bastante fluída. Apesar do desenho não ser explorado ao detalhe, alguns bons pormenores das personagens (especialmente a Yoko) vão ser um regalo para os fãs do género.

Sonoramente, Gurren Lagann é ir além do impossível, como tal engloba uma música épica e algum hip-hop/rap de “intervenção” para acompanhar os combates, os separadores ou até alguns diálogos, no meu caso, reconheço que não faz bem o meu estilo, mas dei por mim a repetir “Row Row Fight the Powah!” juntamente com o Anime. As vozes estão no ponto com boas interpretações de cada personagem, tendo até a presença de actores conhecidos como: Kamina/Konishi Katsuyuki (Laxus de Fairy Tail, Hisagi de Bleach e Lloyd de Tales of Symphonia), Simon/ Kakihara Tetsuya (Natsu de Fairy Tail, Amaimon de Ao no Exorcist e Tenma de Saint Seiya Lost Canvas), Yoko/ Inoue Marina (Rei de Highschool of the Dead, Alicia de Valkyria Chronicles e Yozora de Boku wa tomodachi ga sukunai) e por fim Viral/ Hiyama Nobuyuki (Ikkaku de Bleach, Kouta de Highschool of the Dead e Hiei de Yu Yu Hakusho).

Coragem, sacrifício, dedicação, lutas, explosões, amizade, e discursos exagerados de conquista do universo, isto podia resumir Tengen Toppa Gurren Lagann. Este é um daqueles Anime que nos deixa um sorriso na cara e uma vontade imensa de viver e continuar a lutar por mais e mais. Mesmo não sendo grande fã de Mechas, admito que este conquistou-me totalmente. É raro um Anime nos agarrar de imediato por ser tão épico como este. É deveras uma série a não perder. Altamente recomendado!

Positivo:

  • Desenvolvimento da história é interessante e cativante
  • Animação e efeitos visuais estupendos, originais e únicos
  • Momentos e combates épicos
  • Personagens exploradas ao limite
  • Mexe com os sentimentos do espectador
  • Time Lapse
  • Temas musicais catchy

Negativo:

  • Abrandamento do espírito épico a meio da série
  • Personagens introduzidas ao “pontapé”
  • Por vezes sufoca o espectador com a sua velocidade

Share

You may also like...

Subscribe
Notify of
guest
26 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
sasuke12

Muito boa analise Patrícia,não tive oportunidade de comentar na outra mas bem vinda a “equipa” e parabéns por estas analises que iras fazer a partir de agora…bem quanto ao tema em si,vi este anime desde que começou a sair e é sem duvida magnifico,mesmo quem não gosta de mechas devia vê-lo porque e realmente muito bom…tem personagens marcantes,para mim a que mais marcou foi sem duvida o kamina,e assim como tu também cantava o “Row Row Fight the Powah!”:P tenho pena que pro vezes tenham feito alguma coisa mais a pressa,mas o essencial estala,e não e por isso que deixa de ser um óptimo anime

Patricia Nunes

Obrigado^^ agradeço as boas vindas e o vosso apoio! Todas as criticas e comentários são sempre bem vindos. Assim é da forma que vou melhorando no conteúdo que vou escrevendo para vocês~
Também amei TTGL, é de longe um dos meus favoritos de todos os tempos! Queria mesmo fazer esta análise para mostrar o quanto significou para mim vê-lo. A minha personagem favorita é o Kamina, mas mais tarde acabou por ficar a ser a Yoko xD
Claro que nada é perfeito e TTGL tem as suas falhas e erros mas, na minha opinião, são insignificantes comparado com o épico que o anime é! É sem dúvida um “must watch” ^^

sasuke12

De nada 🙂 eu acho que o kamina é a personagem favorita de toda a gente xD ou pelo menos aquela que mais marca o anime…de resto concordo plenamente contigo 🙂

Patricia Nunes

Sim, o Kamina é sem dúvida a essência do anime 🙂 aww queria tanto a figura dele ;_;

Bruno Roxas

Mais uma excelente análise que me ”prendeu” do início ao fim.

Agora vem aquela parte em que me vão espancar ou algo do género porque nunca vi Tengen Toppa (um viciado em anime que nunca viu Tengen Toppa :O). Mas por uma razão.

Se há género que me passa ao lado são os Mechas (excepção feita para Evangelion). Não gosto de animes demasiado científicos, com robôs, no espaço e coisas do género. Mas após ler esta frase no último parágrafo ”Mesmo não sendo grande fã de Mechas, admito que este conquistou-me totalmente.” fiquei com uma vontade enorme de experimentar e ir ver pelo menos os primeiro episódios. Depois venho aqui deixar a minha opinião. Obviamente que gosto da Yoko, mas quem é que não gosta dela, verdade? *.*

Parabéns por mais uma excelente análise, espero que continues a escrever muitas mais porque é óptimo poder ler as opiniões de alguém que ama tanto anime e que consegue transmiti-lo tão bem através da escrita.

sasuke12

vêpelo menos os primeiros episódios, para teres uma ideia melhor..acho que podes vir a gostar,tenho um colega que detestou tudo o que era aniems de mechas menos evangelion e quando eu andava a ver isto ele viu um epi ou outro e gostou ..e assim vêsa yoko xD

Patricia Nunes

eheh Ficou contente ^^ Obrigado
Espancar? nahhh tens é de nos prometer que vais ver 😉
Eu não sou nada fã de mechas sinceramente… quando leio esta palavra na secção dos géneros de algum anime, fico logo de pé atrás :/ mas acredita que este vale mesmo apena! porque os mechas acabam por não ser “mechas” mas sim entidades com participação no anime. Sim a Yoko xD na altura amei a Yoko e odiei a Nia, agora, que estou a rever a série, já não estou tão hyped com a Yoko e já consigo perceber o ponto de vista da maneira de ser da Nia^^ interessante como uns aninhos me mudaram!

Obrigado mais uma vez, vou continuar a dar o meu melhor x3

lcarrilho

Parabéns pela análise! fiquei curioso e já vi o 1º episódio, que me agradou!
também é a primeira vez que vejo um “mecha”! acho que vou ver mais uns espisódios !

Patricia Nunes

Obrigado o/
Ainda bem que gostas-te~ agora é só ir vendo que quando deres por ti já vais no ep.17 xD Espero que gostes ^^

onshowon

Excelente, estou a gostar muito da abordagem do próximo nível à análise de animes e de filmes, continuem que estão certamente no bom caminho.

Tal como o bruno roxas, também não sou muito fã de mechas no entanto o evangelion já é outra história =) aqueles últimos episódios quase que me derão um nó no cérebro (mas no bom sentido..)

Fico a aguardar por mais análises deste género =)

Patricia Nunes

Obrigado^^ fico contente!
Evangelion é outra coisa! Mas TTGL não é tão sério nem tãooo deep obscuro difícil de perceber. Ao menos não se tem de pensar muito xD é muito mais descontraido~
eheh *goes to write some more*

Squall_jb

Boas, mais uma boa análise da tua parte patrícia, muitos parabés, tem é atenção ao “gostas-te” xD. Confesso que ainda não dei uma vista de olhos neste anime, mas por culpa minha, já o tenho à bastante tempo mas ainda não lhe peguei 😛 É assim tão bom? Digo isto como fâ de Mechas atenção 🙂
cumprimentos

Patricia Nunes

Ups, já editei xD Obrigado~
É bom mesmo bom! então como gostas de mechas, ainda melhor ^^

avolta21

Proximo Nivel a querer-me roubar a minha vida social (no bom sentido)

Gostei muito da análise, não deste nenhum spoiler e ao mesmo tempo dizes-te no que consistia o anime.

Vou começar de imediato a assistir a esse anime (nome um bocado dificil de se escrever e de se dizer, de ler tb xD )
Parabéns, continua assim

Patricia Nunes

xDD
Obrigado^^ tentei evitar ao máximo qualquer tipo de spoilers!
Vê vê! Não sabia que ainda havia umas quantas pessoas que ainda não tinham visto TTGL, sendo assim, fico bastante contente por ter dado a conhecer este épico anime^^

avolta21

Vi o anime todo em 2 dias, adorei, ele conseguia num único episódio por as nossas emoções num turbilhão, recomendo e obrigado Patrícia por “me teres mostrado” este anime 😀

Patricia Nunes

2 dias? eheheh granda hype 😀 Opá fico mesmo contente! Obrigado eu ^^

ShadowDust

Ah…. o famoso video do “When I’m bored” 😀

Patricia Nunes

🙂

d1abl012

Um dos melhores animes que ja vi, simplesmente brutal , cheio de energia e repleto de emoções

Patricia Nunes

True^^

Fabio Fernandes

Excelente análise. continua assim!

Patricia Nunes

Obrigado^^

Kawatta-kun

NÃO EXISTEM pontos negativos, e os que há (por exemplo, os mencionados) AJUDAM, PARA UM EPIC ENDING <3

Patricia Nunes

Concordo totalmente Kawatta!!! nvanbjogdfnm TENGEN TOPPA AWESOME! ^^ tudo é EPIC AWESOME nesta série, mesmo os pontos maus! eheh x3

Bino

Excelente análise…convenceu-me a ver o anime 😀

error

Sigam-nos para todas as novidades!

YouTube
Instagram
26
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x