Análise – Stealth Inc: A Clone in the Dark

Vindo dos mesmos estúdios que trouxeram até nós Thomas was Alone, chega agora Stealth Inc: A Clone in the Dark, um jogo de plataforma e puzzle que mistura o várias referências da indústria para tentar criar algo diferente.

Este ponto começa por ser a maior virtude e defeito de Stealth Inc: A Clone in the Dark, pois mesmo sendo um jogo divertido, desafiante e inteligente, acaba por soar muito a outros jogos do genéro, mesmo que não partilhe o mesmo estilo de jogabilidade.

Como é óbvio, estou a falar de Portal, o jogo de Puzzle e plataformas da Valve, uma grande referência de alto gabarito que é uma clara inspiração para este projecto. Seja o mundo e o estilo de puzzles, este parece um Portal em 2D, mas sem a Portal Gun que é substituída por outros elementos, mais precisamente as sombras.

Se olharem para a personagem principal, os óculos da mesma fazem lembrar os de Sam Fisher e por um bom motivo. A maioria dos puzzles envolvem movimentação furtiva e estudo do cenário para perceber quais as sombras que devem ser aproveitadas e o que podem fazer para que estas se possam mexer ou criar ângulos maiores para tapar a linha de visão das muitas câmaras de vigilância espalhadas pelos cenários.

A tentativa e morte fazem parte constante do cardápio de Stealth Inc: A Clone in the Dark. A escalada de uma parede mal calculada ou uma movimentação mais lenta acaba por expor a personagem que é consequentemente desfeita por lasers ou esmagada por alguma coisa. Felizmente existem uma série de checkpoints pelo caminho que impedem que tenham de refazer tudo de início.

À medida que avançam nas missões, a dificuldade e puzzles do jogo começam a ficar cada vez mais difíceis e diabólicos. As sombras deixam de ser a única opção e as ameaças vão além das simples câmaras de vigilância. Para compensar vão desbloquear mais personagens que podem usar que englobam várias especialidades extra. Muitas destas são usadas depois para bater os recordes de outros jogadores posicionados nas tabelas de ranking.

Além da campanha que está divida em várias zonas bloqueadas a início, existe ainda um editor de níveis para que possam criar os vossos próprios puzzles e cenários. Embora funcione bem, não dispõem de qualquer tipo de tutorial directo, deixando o jogador “no escuro” e tenha de andar às “apalpadelas” (os trocadilhos podiam continuar) para aprender como funcionam as várias ferramentas. Além disso, não existe uma forma de partilhar estes níveis pela internet, destruindo o propósito da criação dos mesmos que não seja para um amigo jogar na nossa consola.

Apesar de ser um jogo de plataformas e puzzle bastante escuro, Stealth Inc: A Clone in the Dark não é propriamente feio ou isento de algum detalhe. As sombras e efeitos de luz estão bastante bons e convincentes e é sempre engraçado ver as luzes do clone no meio do escuro. Não é seguramente um dos jogos com melhor visual da PS Vita ou PS3, mas cumpre os requisitos mínimos. A banda sonora segue o mesmo caminho e o seu estilo musical misterioso e pseudo-alienígena não está nada mal.

Apesar de não ser muito longo e tenha alguns problemas relacionados com picos de dificuldade e um tutorial pouco sólido, Stealth Inc: A Clone in the Dark é realmente uma boa proposta para os fãs de jogos de plataformas e puzzles que queiram uma um misto entre Exit e Portal na sua PS Vita.

Positivo:

  • Vários puzzles inteligentes
  • Boa utilização de sombras
  • Novas personagens com habilidades especiais

Negativo:

  • Curto sem contar com rankings
  • Puzzles realmente diabólicos surgem demasiado cedo
  • Criador de níveis confuso e sem partilha de níveis

Share

You may also like...

error

Sigam-nos para todas as novidades!

YouTube
Instagram