Análise – Pullblox World

pullblox-world-analise-pn-n_00026

Quando a Nintendo 3DS ainda estava a dar os seus primeiros passos decisivos no mundo do digital, eu continuava a ser um dos que não tenham grande entusiasmo nesta vertente de distribuição da consola, pois temia que a coisa começasse rumar em direção aos mini-jogos que vemos nos smartphones.

No entanto, foi com Pullblox que comecei a acreditar que a direção da consola poderia ser a correcta, pois começaram a surgir jogos Indie com vontade de usar as potencialidades da consola com jogos menos casuais, embora que mais pequenos.

pullblox-world-analise-pn-n_00013

Depois de dois jogos, Pullblox ruma na direcção da Wii U com Pullblox World, que acaba por ser mais uma compilação do que foi jogado na Nintendo 3DS do que uma evolução para a franchise.

Para quem não conhece Pullblox, este é um jogo de puzzle e plataformas com movimento livre. Aqui jogam como Mallo, uma espécie de lutador de sumo animado que precisa de salvar as crianças presas nestes puzzles.
Para resolver um Pullblox, precisam de puxar pelas várias peças de forma a ascender até ao topo e salvar a criança.

pullblox-world-analise-pn-n_00017

O sistema de jogo é simples e fácil de interiorizar, mas são os puzzles que fazem com que este seja um jogo infernalmente complicado e um verdadeiro quebra cabeças. A início existem poucos blocos para puxar e usar, mas à medida que avançam na campanha, estes começam a ser ainda maiores e mais confusos, ao ponto de nos deixar à procura da verdadeira solução.

Tendo em conta que é um sucessor dos jogos da Nintendo 3DS, é uma pena que a construção tridimensional de Fallblox não esteja presente, sendo só possível puxar as peças em vez de as empurrar igualmente, é uma pena e parece uma oportunidade perdida.

pullblox-world-analise-pn-n_00015

Uma das grandes vantagens de Pullblox World é a melhor exploração da partilha de puzzles. Na versão Nintendo 3DS, era possível criar os vossos Pullblox através do modo de criação e com a ferramenta de emissão de códigos QR, partilhar com outras pessoas, mas na Wii U, agora é possível partilhar directamente com outros jogadores e cotar os melhores, isto permite que existem centenas de novos puzzles para testar todos os dias, o que é algo que aumenta brutalmente a longevidade.

A passagem para HD de Pullblox não fica nada mal na Wii U. O visual é simples e apto para todas as idades, além de que funciona bem tanto na TV como no Gamepad. Quanto a música, esta é bastante simples e acompanha de forma alegre o estilo de jogo.

pullblox-world-analise-pn-n_00014

A chegada de Pullblox World à Wii U acaba por ter um sabor agri-doce, afinal não inclui muitas das ferramentas do segundo jogo, como se limita a ser o primeiro jogo com algumas alterações. Se não fosse pela partilha de puzzles tão facilitada, Pullblox World merecia uma nota até mais baixa. Se nunca jogaram as versões da Nintendo 3DS, então vale a pena comprar Pullblox World.

Positivo:

  • Passagem para a Wii U de um dos melhores jogos eShop da Nintendo 3DS
  • Partilha facilitada de puzzles
  • Uma boa forma de desafiar a vossa massa cinzenta
  • Visual para todas as idades

Negativo:

  • Muito similar à versão Nintendo 3DS
  • Não usa puzzles de Fallblox

pn-muitobom-ana

Share

You may also like...

error

Sigam-nos para todas as novidades!

YouTube
Instagram