Análise – Kung Fury: Street Rage

kung-fury-street-rage-analise-1-pn

Para acompanhar a chegada de Kung Fury, uma curta-metragem inspirada nos filmes de acção dos anos 80, foi lançado um pequeno jogo no Steam chamado Kung Fury: Street Rage.

Pelo nome do jogo, seria de esperar um beat ‘em up semelhante a Streets of Rage, mas acabou por ser algo inteiramente diferente. No entento, se quiserem recriar a cena do filme onde o Kung Fury luta contra dezenas de nazis de seguida, este é o jogo ideal.

kung-fury-street-rage-analise-2-pn

Para quem já jogou One Finger Death Punch, vai notar que a premissa é essencialmente a mesma. Kung Fury: Street Rage é um género de brawler rítmico de duas dimensões onde lutam contra dezenas de nazis e tentam alcançar a pontuação mais alta possível.

Apenas precisam dos dois botões do rato para jogar, atacam para o lado esquerdo com o botão esquerdo e atacam para o lado direito com o botão direito. Button smashing não vos vai levar a lado nenhum, é preciso estar concentrado e ter um bom timing, uma vez que a vossa personagem só ataca os inimigos que estiverem a um certo alcance. Se atacarem cedo de mais ou do lado errado, correm o risco de ficarem com o combo reduzido, e pior, ficam vuneráveis aos ataques dos inimigos e morrem após serem atingidos 3 vezes.

kung-fury-street-rage-analise-3-pn

Após habituarem-se aos controlos, o jogo começa a tornar-se viciante. Cada vez que morrem, ficam com aquela vontade de voltar a jogar e tentar alcançar uma pontuação mais alta.

Os inimigos mais básicos requerem apenas um ataque para os derrotar, depois surgem outros tipos de inimigos que requerem mais golpes para serem eliminados ou transistam de lado quando são atingidos. Às vezes os inimigos sobrepõem-se uns aos outros, o que pode tornar-se bastante confuso quando misturam tipos de inimigos diferentes.

kung-fury-street-rage-analise-4-pn

Tal como o filme, Kung Fury: Street Rage inspira-se nos videojogos dos anos 80 e transmite a ideia de que estamos a jogar numa máquina arcade (a introdução do jogo até é alusiva à Neo Geo), apresentando gráficos agradáveis e animações fluídas. Aparentemente a banda sonora é inspirada em David Hasselhoff, talvez seja por isso que é tão boa.

Apesar de estar apenas a 2 euros, Kung Fury: Street Rage fica a saber a pouco comparado a One Finger Death Punch que oferece muito mais conteúdo por mais 3 euros. Continua a ser um jogo divertido para quem gostou de Kung Fury e dá a chance de derrotar mais uns quantos nazis enquanto precisam de matar o tempo.

Positivo

  • Viciante
  • Mantém o espírito do filme
  • Apresentação audiovisual

Negativo

  • Pouco conteúdo
  • Inimigos sobrepostos criam confusão
  • Não haver a opção de jogar como The Hoff

pn-bom-ana

Share

You may also like...

Subscribe
Notify of
guest
2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
_GM_
Kanudo

Estava com ideias de fazer uma análise à curta antes de colocar esta do jogo, mas acabei por não o fazer :/

error

Sigam-nos para todas as novidades!

YouTube
Instagram
2
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x