Análise – Hyrule Warriors

hyrule-warriors-antevisao-preview-pn

Costuma dizer-se que nem todos precisam de gostar da mesma coisa, que essa é uma das grandes vantagens da vida e um dos motivos pelos quais somos todos diferentes.

No caso de Hyrule Warriors, temos um filho feito por duas séries que adoro, The Legend of Zelda e Dynasty Warriors, mas além de mim, quantos gostam de Dynasty Warriors? Será que muitos estão dispostos a engolir um sapo por adorar Zelda? Afinal estamos a falar de uma série que recebe notas altas em todo o lado e outra que é sempre castigada com resultados amenos.

hyrule-warriors-skyward-sword-pn-n_00023

Afinal de que estilo é Hyrule Warriors? É mais Zelda ou mais Dynasty? A verdade é que embora tenha muito de Zelda, este é um jogo que vai agradar muito mais a quem aprecia Dynasty Warriors.

Tendo como inspiração os vários jogos da série Zelda, Hyrule Warriors mistura mundos dos vários jogos numa história que não faz muito sentido, mas consegue ligar as várias linhagens de forma a que não pareça totalmente descontextualizado. A passagem por todos estes mundos de Zelda traz também várias personagens específicas de cada linhagem que se juntam à equipa e adicionam algo ao jogo.

hyrule-warriors-skyward-sword-pn-n_00041

Embora Link seja o herói principal, existe uma grande quantidade de heróis que podem ganhar e recrutar para a equipa para usar também em combate, e se normalmente existem mais homens de armas, Hyrule Warriors prova que as mulheres estão em maior número neste universo, com Zelda, Impa, Midna, Fi e muitas outras a representar bem as senhoras.

No que toca à jogabilidade, podem contar com algo muito ao estilo Dynasty, ou seja, cenários ligados por corredores e salas, em vez de um mundo aberto propriamente dito. Vão ter vagas de inimigos intermináveis para derrotar, e a maior parte das vezes, zonas guardadas por chefes de área ou mini bosses que controlam portões, os quais só abrem depois de concluir um determinado objectivo.

hyrule-warriors-ocarina-of-time-imagens-pn-n_00030

Algo que Hyrule Warriors faz para desfazer um pouco a repetição típica deste sistema de jogo e combate, é a introdução de várias armas base diferentes e itens que podem recolher ao longo da história, todos eles inspirados em The Legend of Zelda, no caso de Link podem usar a Master Sword ou as luvas do poder (entre outros), enquanto outras personagens também podem usar mais que uma arma durante o combate. Quanto aos itens, estes incluem bombas, arco e outras ferramentas clássicas dos universos de Zelda, as quais aparecem nos baús clássicos.

Durante o modo campanha também vão surgir oportunidades de adquirir versões mais fortes das mesmas armas, ou materiais que podem ser usados para criar variações ou melhorar as armas que já tem. É uma funcionalidade que aumenta a longevidade e vai ocupar mais algumas horas daqueles que quiserem ter as melhores armas e evoluir todas as personagens.

hyrule-warriors-ocarina-of-time-imagens-pn-n_00038

Além da campanha, Hyrule Warriors inclui ainda um modo Adventure que mistura o jogo principal com um jogo de tabuleiro inspirado no visual do primeiro Zelda. Este modo é bastante divertido e um bom extra com várias horas de diversão. Além deste, existe ainda o modo livre para poderem escolher os cenários e personagens que quiserem e o Multijogador local onde um dos jogadores usa o ecrã do Gamepad e o outro a televisão. Infelizmente este modo está limitado a jogo local e sofre um pouco em termos visuais e de fluídez.

Já que falamos em visual, é notório que Hyrule Warriors trata muito bem as personagens do universo onde se inspira. Ver Link, Zelda e companhia com traços reais pela primeira vez em HD é um marco e algo que foi aqui bastante bem feito. Embora sejam clones uns dos outros, os inimigos são praticamente todos versões HD de inimigos da série Zelda, o que também é uma mais valia. É claro que os cenários sofrem um pouco, sendo normalmente o ponto menos alto, com muita repetição de elementos e terrenos básicos.

hyrule-warriors-ocarina-of-time-imagens-pn-n_00017

Quanto ao som, a banda sonora recria algumas das músicas clássicas de Zelda com guitarras e tons mais agressivos, enquanto outras são totalmente inéditas. No geral, são bastante boas, mas não se perdia que fossem um pouco menos rápidas. Eu sei que é assim que funciona em Dynasty Warriors, mas não era obrigatório que fosse transposto para aqui. Um ponto positivo vai também para a ausência de vozes nas personagens durante as cinemáticas, o que vai ao encontro de Zelda. O único problema de manter esta tradição é a de sermos obrigados a ler cada frase no meio da confusão da batalha.

Parece que a mania de fundir sagas com Dynasty Warriors é uma tradição que veio para ficar, mas no caso de The Legend of Zelda, até acaba por fazer muito mais sentido do que parecia à primeira vista, pois mesmo que a jogabilidade seja diferente, o sistema de combate não é assim tão distante quanto isso.

hyrule-warriors-skyward-sword-pn-n_00009

No final de contas, Hyrule Warriors é um jogo mais imediato, que troca os puzzles e exploração por acção pura e dura. Posso dizer que Hyrule Warriors não é um jogo para todos, mas se gostam de bons jogos de acção, Zelda ou Dynasty Warriors, então este é o jogo para vocês. A Wii U recebeu mais um exclusivo de grande qualidade.

Positivo:

  • Fusão de Zelda com a jogabilidade de Dynasty Warriorspn-recomendado-ana
  • Estilo de combate encaixa no universo Zelda
  • Várias personagens e armas diferentes
  • Modo Adventure
  • Personagens de Zelda com traço real em HD pela primeira vez

Negativo:

  • Sofre dos factores repetitivos da vertente Warriors
  • Alguma música mais pesada não encaixa tão bem
  • Multijogador tem problemas de fluidez e não pode ser jogado online

pn-muitobom-ana

Share

You may also like...

Subscribe
Notify of
guest
7 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Kanudo

Olha a capa do meu jogo x)

tylarth

Tá nas prioridades para quando arranjar a wii u. Se bem que antes dele está o bayonetta2, lostworld, smash bros… enfim é melhor nem pensar nisso ou fico deprimido.

Watsuki

Estou a adorar o jogo, não era para comprar já mas depois desta analise não resisti.

Sanero

so vou poder jogar logo a noite, aulas to strong

Leonsuper

Não estava à espera que este jogo tivesse reviews tão positivas! Se calhar ainda acabo por o comprar.

Luís Filipe

Cara comprei esse jogo e ele é SENSACIONAL…
eu tava com espectativa baixa apesar de que ia comprar de qualquer maneira (coleciono Zelda) entao fiquei super feliz

error

Sigam-nos para todas as novidades!

YouTube
Instagram
7
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x