Análise – Another

Informação Global:

  • Episódios: 12
  • Ano: 2011-2012
  • Produtores: Lantis, Kadokawa Shoten, P.A. Works, Toho Company, Sentai Filmworks, The Klock Worx, Bandai Namco Live Creative, NTT Docomo
  • Géneros: Mistério, Terror, Horror, Vida Escolar
  • Idades: +17
  • Linguagem: Japonesa

Primeiro de tudo, quero reforçar a ideia de que se trata de um Anime de Terror. Sendo fã deste género, muitos directores e companhias procuram criar uma história interessante, original e nunca antes vista mas, infelizmente, acaba quase sempre por falhar. Sendo um género  espremido com o passar do tempo, ultimamente recorre a cenas mais sangrentas e violentas baixando cada vez mais o padrão de qualidade. Another, por sua vez, é um dos casos raros que contém tudo o que é necessário para ser um Anime de Terror bem-sucedido.

Tudo começa quando, à 26 nos atrás, uma estudante inteligente, boa em desporto, popular e adorada pelos seus colegas, morre subitamente. Com isto, toda a turma decide continuar como se Misaki continuasse viva até ao tempo da Graduação. Mais tarde, na primavera do ano 1998, um rapaz chamado Sakakibara Kouichi é transferido para essa mesma escola e turma. Uma atmosfera assustadora e um comportamento suspeito parece rondar a turma e no centro de tudo isto está uma misteriosa rapariga, reservada e ausente chamada Misaki Mei. Secretismo e mistério apelam à curiosidade de Kouichi que o leva a comportar inúmeras consequências pelos seus actos.

A história é complexa mas vagarosamente apresenta um desenvolver lógico de acontecimentos. Desde o início ao fim, Another consegue estimular a nossa curiosidade perante as várias personagens assim como o desenrolar da história. Sentimento de ansiedade e pressão estão presentes nas cenas de terror mais relevantes e quando pensamos estar perto da resposta, um novo acontecimento faz com que voltemos a estaca zero. Another é um Anime com uma história cuidadosamente escrita e pensada, um envolvimento simples e poucas personagens, o qual consegue comprimir o enredo de forma adequada para apenas 12 episódios. O desenlace é rápido mas não apressado, é um final do qual não estava a espera e me surpreendeu pela positiva.

Das personagens e de forma a manter o mistério, sabemos muito pouco. São quase todas estranhas e claramente tentam evitar certos tipos de conversas tornando os diálogos pesados e desconfortáveis. Sakakibara Kouichi, o nosso protagonista, é um rapaz que tem uma mínima noção do que está a acontecer e, mesmo com medo e receio, é corajoso com objectivo de satisfazer a sua curiosidade. Mesmo sendo o cliché do estudante transferido, os autores conseguem justificar a mudar para esta escola, o que faz com que Kouichi deixe de ser o típico estudante transferido só porque sim. Misaki Mei, embora sendo a rapariga estranha e solitária ao inicio, é uma personagem que apresenta um padrão de desenvolvimento constante à medida que vamos sabendo mais sobre ela. Portanto, na minha opinião, não vale a pena julgar as personagens muito cedo porque vão acabar por nos surpreender no final.

A arte e a animação retratam fielmente um Anime de Terror. As personagens não levam um tratamento muito diferente dos outros Animes, mas os fundos e os envolventes estão caracterizados de forma a levar o espectador a sentir a “morte” em cada canto do cenário. Os tons escuros de preto, castanho e vermelho formam uma atmosfera ferrugenta, solitária, desesperante, podre e pormenorizada quase sempre acompanhada de corvos esfomeados e uma aura negativa. Em cenários mais claros, lâmpadas com falhas e cenas silenciosas ao por do sol também estão presentes em Another. O uso de bonecas articuladas inacabadas, com falta de órgãos e aspecto assustador chega a ser um factor mais importante do que parece.

Em Another, o som tem como objectivo aproximar o espectador ao que está a acontecer em cena. De simples e suaves melodias a efeitos electrónicos descontrolados, o espectador dá por si num constante estado de pressão e ansiedade assustadora de que algo está prestes a acontecer. O opening da série é cantado pelas Ali Project, muito conhecidas pelo seu estilo gótico, misterioso e sombrio que encaixa perfeitamente no género de Another, enquanto que o ending tem um estilo mais calmo e sereno acompanhado de piano e de uma voz mais angelical.

Quanto aos actores de vozes das personagens principais, não creio que ainda sejam muito conhecidos mas já tiveram papeis importantes no mundo do Anime como: Misaki Mei/Takamori Natsumi (Souna de Highschool DxD, Phoebe de Muv-Luv Alternative: Total Eclipse e Konatsu de Gokujo.), Kouichi/Abe Atsushi (Mashiro de Bakuman, Touma de Toaru Kagaku no Railgun e Itsuki de Blood-C) e Izumi/Yonezawa Madoka (Ui de K-ON!, Eun de Pretty Rhythm: Dear My Future e Leviathan de Umineko no Naku Koro ni).

Na minha opinião, Another é obrigatório e não gasta muito tempo nem paciência. É um Anime com uma história única e original dentro do género, cativa e desperta curiosidade, tem um ambiente assustador e cenas com violência, sangue e morte a mistura. Há mais suspense do que sustos e não requer grande coragem para o ver. Reparti a série e vi Another em 2 dias, achei as atitudes da turma forçadas, aborrecidas, arrastadas (porque tanto eu como o protagonista queríamos saber a verdade) e o final  acontece rápido de mais. A conclusão que tirei da experiência foi que não vale a pena pensar muito e arranjar mil e uma teorias para desvendar o segredo quando, no final, a resposta esteve sempre debaixo do nosso nariz sendo o pensamento mais lógico e simples que alguma vez poderíamos pensar.

Aconselho Another a um público que vê Terror por gosto e por escárnio e mal dizer, porque tanto um como o outro vão acha-lo excelente ou cómico. Para muitos, Another não vai meter medo nenhum e vão achá-lo uma fantochada cómica, mas para outros (como eu) vão considerá-lo uma obra prima no que toca à história e envolvência tanto artística como sonora. Another não precisa de recorrer a cenas obscenas e sangrentas constantemente para ser considerado um bom Anime, porque “essência” é coisa que não lhe falta. Para quem procura um tempo bem passado e uns arrepios na espinha, Another é sem dúvida a melhor opção!

Positivo:

  • História única, original e cativante dentro do género
  • Estimula curiosidade mexendo com a parte emotiva
  • Desenvolvimento das personagens e enredo principal
  • Animação e desenho fiel ao estilo
  • Sonoridade assustadora sendo a ponte de conexão entre o espectador e o Anime

Negativo:

  • Final rápido
  • Atitudes forçadas, arrastadas e previsíveis
  • História com potencial para ser explorada alem dos 12 episódios

Share

You may also like...

Subscribe
Notify of
guest
20 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Bruno Roxas

Adoro Another! É um dos meus animes favoritos e um dos que mais me surpreenderam. Tem um ambiente perfeito para um anime Horror. Como já referi o único ponto que acho negativo é mesmo o final. Estava à espera de muito mais e foi bastante forçado. Claro que também penso isso porque assim como a maior parte tentei sempre arranjar mil e uma teorias para todos os acontecimentos e afinal, como referis-te, está tudo debaixo do nosso nariz xD Mas isso não apaga a imagem de um anime que considero quase perfeito e é dos que mais me prenderam até hoje. (Algumas mortes são tão brutais, como não quero spoilar ninguém vou só referir que uma dos primeiros episódios me deixou chocado, acho que acontece no terceiro episódio. e penso que sabes qual é. ”umbrella” xD)

Mais uma excelente análise 😉 Continuação de um óptimo trabalho Patrícia 🙂

Bruno Roxas

Como não dá para editar o comentário acrescento aqui algo que me esqueci de mencionar. Adoro as main chars. Desde o primeiro episódio que tenho um enorme fascínio pela Mei, adoro quando é transmitido tanto mistério nas personagens, isso para mim cria uma enorme ligação entre espectador e personagem. E adoro mesmo muitoooo a Izumi, espero não ser o único x) ah, também gostei bastante do ova 🙂

Patricia Nunes

É isso mesmo^^ partilho a mesma opinião que tu! E sim ~~umbrella~~ foi brutal! não estava nada a espera *w*
A Izumi… por acaso não fui a bola com ela xD foi uma personagem que tive sempre de pé atrás :/ não me inspirou confiança… mas sim, também adoro a Mei <3 e a OVA veio completar ainda mais a série^^ o que foi um plus
Obrigado Roxas, mais uma vez, por estares a acompanhar o meu trabalho e dares sempre a tua opinião 🙂

Ruben Alexandre

Só digo uma coisa, passei a ter medo de guarda-chuvas.

Bruno Roxas

Me too xD
fiz uma pequena referência a isso no meu comment. x)

Patricia Nunes

True xDD

Miguel Santos

quem da aso a maldição é um rapaz não uma rapariga (tambem tive mais de metade da anime a pensar que tinha sido uma rapariga xD)

Patricia Nunes

Fomos todos enganados XDD eu também pensava que era uma rapariga :/

André Diogo

Sendo este o estilo que mais gosto (mistério/suspense/terror), gostei bastante da análise e é bom ver este anime a receber a atenção que merece. O inicio despertou-me bastante curiosidade por causa da Misaki Mei, e quanto à “pessoa a mais”: «A melhor forma de esconder algo de um grande detective, é deixá-la mesmo debaixo do seu nariz».

O final surpreendeu-me um bocado e acho que se conseguia evitar, afinal, ela sabia quem era aquele tempo todo. Mas acho que quiseram criar mais impacto e mostrar mais ambição, no final acaba por ser uma referência no futuro. A ova é engraçada também, dá para se conhecer um pouco mais do passado de Mei e da sua irmã ^^

Patricia Nunes

Também gosto deste género^^ mas… tenho de coragem para começar a veralgo de terror :v demorei um bocadinho para começar a ver Another mas mal começei foi tudo de enfiada xD muito bom mesmo! Acho que a 1ª coisa que me agarrou foi a Mei, todo aquele mistério para desvendar~ e depois foi a pessoa que estava em falta. E não é que estava mesmo debaixo do nariz! 😛
Sim… o final lá está, teve de ser assim mas acho que com mais tempo teria ficado muito melhor mas foi bom na mesma 🙂
A OVA foi um complemento à série ^^ sempre bem vindo xD
Obrigado pelo comentário :3

Squall_jb

Excelente anime, o primeiro anime de terror que vi, e sem dúvida um dos
que me fascinou mais. A história e os personagens são brutais. O final
achei que estava muito bom, na medida em que te “come” a cabeça toda,
pelo menos a minha xD. Muito bem escrita a análise como de costume, só
não concordei muito com os pontos negativos. Achei o pacing
perfeitamente adequado a 12 episódios, e o final como disse gostei
muito, não achei que tivesse acontecido rápido de mais, Os personagens
pronto já se sabe que os protagonistas em principio terão um tratamento
mais cuidado que os secundários, mas gostei de todos, incluindo a Izumi,
não és o único roxas. Só há uma coisa que não gosto neste anime, e em
muitos em geral, mas é uma preferência minha e não uma falha do anime em
si, que é ver meninas a morrer, isso é que não vai com nada, e aqui
então é um festival de matança pá, é umas atrás das outras, a cena do
guarda-chuva então como já referiram….é pá….acho que sou sensível de
mais quanto a esse assunto xD

Patricia Nunes

Obrigado pelo comentário ^^
Vou-te é só pedir que tentes evitar spoilers por favor… porque nas análises eu tento arranjar palavras alternativas para tentar não spoilar ao máximo.
Não sei como se faz o botão spoiler mas já pedi ao Daniel para me ver isso e depois digo ao pessoal.
Desculpa mas vou retirar essa parte de spoiler ok? espero que não me leves a mal D:
Mais uma vez obrigado pela opinião e comentário 🙂

Squall_jb

Sem problema Patrícia, não levo nada a mal, e é um gosto ler as tuas análises, continua a sim 😉

Nirvanes

De todos os que já li por aqui parece-me ser o mais interessante. Talvez por estar farto de animes de combates e os clichés todos que daí advém. Não sou grande apreciador de filmes de terror (aqueles filmes de terror teen dos cinemas são terríveis – já ningém sabe criar suspense como Hitchcock!) mas isto à primeira vista parece-me mais suspense e isso agrada-me. Ainda por cima tem 12 episódios, sinal que não estenderam demais a corda como praticamente todos os shonen populares.

Obrigado por um anime mais ‘alternativo’ 🙂

golden guy

podem fazer uma analise no highschool of the dead

Squall_jb

“do” highschool of the dead, porque fazer lá deve ser complicado. Se queres uma rápida aqui vai: personagens interessantes, miúdas giras e história muito promissora, mas sem sentido sem uma segunda season :S
Cumps

Bino

Adorei o anime! muito suspense, não enrola (sem tempos mortos nem nunca se desvia da história principal).Achei o número de epis adequado e com a personagem principal cativantemente sombria. Não é um anime que aterroriza mas que horroriza pelo bastante “gore” que existe. Final inesperado, tal e qual um policial 😀

Guilhathorn

Isto é anime do bom people

Mister Remedy

Bom, eu acabei agora mesmo de ver o anime e tenho a dizer que, no geral, gostei bastante. No entanto fiquei um bocado como o Roxas na medida em que o final me desiludiu um bocado. De facto é imprevisível – não posso negar que fiquei impressionado – mas estava à espera de algo mais arrebatador.

Acho que alguns pontos não foram devidamente explorados (até diria quais, mas não o farei para evitar spoilers) e que a minha vontade de saber um pouco mais acerca dos mesmos contribuiu para essa minha visão negativa acerca da conclusão.

A série prendeu-me do início ao fim, mas nos derradeiros momentos até eu senti uma facada nas costas. Foi uma sensação semelhante a terminar um RPG no “Good Ending” mas sentir que haveria possibilidade para um “True Ending”.

Boa análise, Patrícia 🙂

André O Maior

Para quem não sabe existe uma OVA chamada episodio 0, que como o nome indica, conta um bocado do que se passou antes do anime começar 🙂

error

Sigam-nos para todas as novidades!

YouTube
Instagram
20
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x