Opinião: Ainda vale a pena jogar Pokémon GO?

Antes de mais, permitam que comece este artigo por dizer o seguinte: Pokémon GO nunca foi um bom jogo e ainda está longe de o ser. É uma App que continua a estar carregada de vários problemas, bugs, funcionalidades incompletas e muitos sistemas datados. É verdade que tem vindo a crescer ao longo dos últimos anos e existem melhorias significativas, mas longe de onde devia estar.

Se assim é, porque é que eu e vários milhões de pessoas de várias idades continuamos a jogar Pokémon GO de forma diária? Porque motivo é que a Niantic consegue continuar a ter um jogo cheio de problemas e ferramentas que não funcionam bem e ainda há quem insista em depositar o seu tempo em Pokémon GO?

Acredito ter descoberto a resposta para esta pergunta quando o Covid-19 rebentou e me vi preso em casa, com poucas hipóteses de o jogar a não ser quando saia de casa para ir fazer as minhas corridas diárias. Até essa altura, jogava mais casualmente com amigos mais próximos, mas não de forma intensiva. Ainda estava a nível 37 e raids para mim era uma actividade ocasional.

 

Foi então por esta altura em que ia correr que resolvi que era boa altura para tentar chegar a nível 40 e tentar criar uma Pokéstop perto de minha casa. Afinal, é uma zona cheia de marcos históricos e locais que merecem ser uma Pokéstop. Este esforço fez com que me dedicasse diariamente a evoluir a minha conta e fizesse equipas ainda melhores.

Foi depois de chegar a nível 40 que comecei a tentar perceber como podia fazer as raids em segurança para ter equipas ainda melhores. Foi com o regresso de Darkrai com o seu Shiny que resolvi pesquisar e perceber se ainda havia gente a fazer raids pela minha zona. Curiosamente, ainda havia muita gente, mas estavam todos consolidados num grupo muito mais alargado do concelho. Acabei por realizar raids em segurança e percebi que havia gente que afinal era da minha freguesia e que tinham tido até agora o mesmo problema que eu, dificuldade em deslocação e pouco conhecimento de onde e com quem jogar.

Desde essa altura a minha experiência teve bastantes altos, mas também muitos baixos. Durante parte do final do Verão até quase a Novembro a coisa esteve bastante parada. Coisas como frio e chuva não ajudam, mas isso não impede de o jogo poder ser aproveitado na mesma. Eis senão que a Niantic resolve começar a retirar as melhorias que tinha inserido no jogo devido ao COVID-19, como é natural e numa época em que existem países que estão a voltar a fechar, a companhia mostrou uma vez mais que não está exactamente ligada e a ouvir o feedback dos jogadores.

Com todo o “backlash” constante da comunidade e feedback de alguns Youtubers de Pokémon GO mais famosos como o Trainer Tips, The Trainer Club e a ZoeTwoDots, a coisa acabou por ir ao sítio. Foi neste encalço que a Niantic aproveitou para revelar que ia adicionar muito mais funcionalidades ao jogo, especialmente o muito desejado aumento de nível. No entanto, se dão com uma mão, acabam por tirar com outra. Eventos limitados como as trocas à distância são uma autêntica piada que limita a possibilidade de interagir com amigos a nível internacional, mesmo havendo a possibilidade de limitar essas mesmas trocas. Depois, temos eventos bem feitos que são divertidos e apelativos, e outros como o evento do Mr. Ryme que são caros e pouco apelativos.

Não posso dizer que a Niantic não tem estado a tentar. Mas o tentar deles acaba por ser um tentar a vapor. Cada coisa que acontece, demora a acontecer (raids remotas?), surgem ideias do nada que são muito boas, a par de outras que ninguém quer e os esforços podiam ter sido depositados em coisas mais importantes. Surgem conceitos diabólicos que tentam sugar ao máximo o dinheiro dos jogadores que só acabam por não ser implantados porque são necessárias paredes constantes de reacções negativas para que percebam que o caminho não é nessa direcção.

Para funcionar, o Pokémon GO e a Niantic precisam de perceber a sua audiência e exactamente aquilo que esperamos deles. Todos sabemos que o dinheiro tem de vir de algum lado, mas também todos sabem que quando as coisas correm bem e o jogador se sente bem tratado, que vai querer investir. Eu sei disso, porque eu sou exemplo disso. Nos meus melhores dias de jogo onde me senti mais recompensado pela experiência, foi quando resolvi investir uns trocos para aproveitar ainda mais.

 

Os eventos precisam de ser interessantes e surgir uns a seguir aos outros de forma a manter o interesse. O factor “novidade” tem de estar sempre presente e o jogador precisa de ser muito mais recompensado. Muitas das ideias mais recentes são um claro exemplo de bons passos, mas outras só mancham todas as possibilidades de ir mais além. Para que limitar tanto o envio de prendas ou a capacidade que podemos carregar? Porque não deixar que os jogadores comprem ainda mais espaço do que já existe? Quem é que pediu stickers? Porque é que o jogo nem sequer inicia em certos telemóveis? Porque é que a Liga continua a ter tantos problemas com lag? Quem é que pensou no sistema terrível das Mega Evoluções (que já foram ainda piores)?

Se carregaram no artigo pelo título, então não pensem que vão sair daqui sem uma resposta. Quando comecei a escrever este artigo há quase dois meses atrás, a minha visão era muito mais positiva, mas isso tem vindo a mudar com o passar dos dias. Neste momento Pokémon GO é mais um jogo para os veteranos que já gastaram demasiado tempo nisto e abrir o jogo para fazer as coisas diárias é quase uma tradição. Se ainda não o começaram, não perdem nada em o fazer, vão encontrar um jogo com problemas e muitas coisas que não fazem sentido. Porém, neste momento, se nunca o jogaram, agora já não é uma boa altura para começar, especialmente se não tiverem com quem jogar. É um jogo que exige dedicação e paciência diárias e muito trabalho para chegar até onde as coisas ficam mais divertidas.

Mesmo dizendo isto, sei que o Verão é inevitável e quando o calor começar a subir e os dias a ficar mais longos, que lá vão aparecer os novatos que estão a começar a sua jornada e os mais antigos irão sair das tocas para fazer as suas Raids. Eu sei disso, porque quase de certeza que vou estar lá para jogar também.

 

Share

You may also like...

error

Sigam-nos para todas as novidades!

YouTube
Instagram