Strike Witches anuncia três novos projectos anime

A franquia Strike Witches celebrou o seu décimo aniversário durante este fim-de-semana ao apresentar três novos projectos anime.

Seguindo a ordem de estreia, em 2019 os fãs vão receber o anime World Witches Series 501 Butai Hasshinshimasu!, a adaptação da manga Strike Witches 501 Butai Hasshinshimasu!. A manga é um spin off da série principal, focando-se no esquadrão 501 e a sua vida diária quando não estão encarregues de combater os Neuroi.

Em 2020 é a vez de Strike Witches: Road to Berlin chegar até aos fãs. Não foi partilhada muita informação sobre este novo projecto, embora o trailer dê a entender que é uma continuação da série principal.

E por fim em 2021 a série Strike Witches vai tentar chegar até uma nova onda de fãs com Idol Witches (título sujeito a mudanças). Este novo projecto original, tal como o nome indica, vai apresentar um esquadrão que ao contrário das outras raparigas não foca-se em combater os Neuroi, mas sim em entreter os cidadãos que sofrem pelos constante ataques dos Neuroi.

O project Strike Witches teve início em 2005, recebendo o seu primeiro anime em 2007 através de uma OVA, desde então a série tem ganhado várias adaptações anime, incluíndo filmes, e também mangas e light novels.

A série tem lugar numa Terra alternativa onde durante a segunda guerra mundial o planeta é invadido por aliens conhecido como Neuroi. As foças da Terra decidem então unir forças e dar um fim a esta invasão de seres de outro mundo usando raparigas que possuem habilidades mágicas para combater os Neuroi. As várias adaptações da série seguem a história de diferentes protagonistas e esquadrões.

Mathias Marques

Editor oficial desde Agosto 2014 Para além de videojogos também gosto de anime. Podem ver-me a apregoar sobre ambos os assuntos no site em forma de notícia, artigo ou análise. Tenho a sorte de encontrar momentos parvos enquanto estou a jogar, ou de os criar eu mesmo.

More Posts

Follow Me:
TwitterYouTube

Mathias Marques

Editor oficial desde Agosto 2014 Para além de videojogos também gosto de anime. Podem ver-me a apregoar sobre ambos os assuntos no site em forma de notícia, artigo ou análise. Tenho a sorte de encontrar momentos parvos enquanto estou a jogar, ou de os criar eu mesmo.