Sony estará supostamente a forçar uma nova política de censura em jogos Japoneses

[Nora, Princess and Stray Cat – PlayStation 4]

Recentemente a Sony tem causado algumas complicações ao lançamento de jogos Japoneses no Ocidente, levando até à remoção de modos ou o cancelamento total de jogos.

Omega Labyrinth Z era suposto sair no início deste ano, com o jogo a ser removido do site oficial de PQube após ter tido a classificação recusada em três países Europeus e sem menção do mesmo até ao momento em que foi revelado que o jogo não iria ser lançado na Europa e América tal como inicialmente planeado. Nekopara Vol. 1 era suposto sair na PlayStation 4 na Europa e América durante este Verão, sendo que até agora ainda não existe novidades sobre o jogo (a versão Europeia da Nintendo Switch foi adiada por 1 mês).

Algo ainda mais recente foi o caso de Senran Kagura Burst Re:Newal que removeu o “modo de intimidade” da versão PlayStation 4, algo que esteve presente nos jogos anteriores que saíram nas consolas da Sony. Ainda no tópico de Senran Kagura, o spin off Senran Kagura: Bon Appétit que saiu originalmente apenas em formato digital na PlayStation Vita vai receber uma versão física tal como tinha sido anunciado na Limited Run Games, sendo que aparentemente essa versão teve um pequeno entrave com a Sony mas nada teve de ser mudado.

[Nora, Princes, and Stray Cat – PlayStation Vita, Nintendo Switch]

Tudo isto tem sido de acordo com uma suposta nova política de censura por parte da Sony, algo que a mesma ainda não confirmou apesar de várias produtoras e publicadoras afirmarem que estão a encontrar problemas ao trazer os jogos Japoneses para o Ocidente.

No entanto, algo que parecia estar apenas a afectar a Sony of America e Sony Europe está a chegar até ao Japão, obrigando também a jogos exclusivos Japoneses a serem censurados. Recentemente surgiram imagens no Twitter da visual novel “Nora, Princess, and Stray Cat“, onde comparavam as versões PlayStation 4, PlayStation Vita, Nintendo Switch e PC.

A versão PC apresenta um pouco mais de nudez, com a versão Switch e Vita (que saiu no ano passado) a serem mais modestas. Mas a versão PlayStation 4 foi totalmente censurada com raios de luz a cobrirem mais de metade do ecrã nas poucas imagens que surgiram. Entretanto de acordo com o website do jogo o problema parece ter sido resolvido.

[Nora, Princess and Stray Cat – PlayStation 4]

Durante este fim-de-semana a produtora Light fez uma livestream onde declarou que a Sony está a criar pressão para censurar o jogo “Silverio Trinity” que estava planeado para sair no Japão pouco após o ano novo. De acordo com a produtora, a Sony está a ficar mais rigorosa com o seu método de aprovação, principalmente no que toca a conteúdo sexual. Sendo que está a pedir à produtora Japonesa para escrever um formulário para aprovação em Inglês apesar de o jogo estar planeado apenas para o Japão.

Até ao momento a Sony não afirmou nada sobre esta nova política de censura, apesar de a comunidade e vários produtoras estarem a criar barulho. Por outro lado Soul Calibur VI foi lançado recentemente sem grandes problemas, ou se formos falar sobre jogos Ocidentais, Red Dead Redemption 2 e semelhantes nunca causaram problemas deste tipo, o que levanta a questão se esta “nova política” aplica-se apenas a jogos “Anime” Japoneses.

A Steam teve um problema semelhante no início deste ano no que toca a jogos Japoneses “Anime”, tendo mudado as suas políticas após vários fãs fazerem-se ouvir. Sendo que agora a plataforma aceita fez novamente as pazes com jogos anime e até começou aceitar jogos com conteúdo adulto. Entretanto a Nintendo está mais predisposta a aceitar este tipo de conteúdo sexual desde o lançamento da Nintendo Switch. Uma petição para a Sony foi criada por um afiliado da Marvelous Games para aqueles que quiserem fazer-se ouvir.

[Nora, Princess and Stray Cat – PlayStation Vita, Nintendo Switch, PC]

Mathias Marques

Editor oficial desde Agosto 2014 Para além de videojogos também gosto de anime. Podem ver-me a apregoar sobre ambos os assuntos no site em forma de notícia, artigo ou análise. Tenho a sorte de encontrar momentos parvos enquanto estou a jogar, ou de os criar eu mesmo.

More Posts

Follow Me:
TwitterYouTube

Mathias Marques

Editor oficial desde Agosto 2014 Para além de videojogos também gosto de anime. Podem ver-me a apregoar sobre ambos os assuntos no site em forma de notícia, artigo ou análise. Tenho a sorte de encontrar momentos parvos enquanto estou a jogar, ou de os criar eu mesmo.