PróximoNível Jukebox 36 – Mario Kart 8

PNJ-jukebox-mario-kart-8-destaque-pn-n

Mais uma moedinha, mais uma voltinha! Como hoje é o dia mundial do Mario Kart (quem o afirma é o Tylarth), o PróximoNível Jukebox vai ser dedicado ao Mario Kart 8 para comemorar a chegada do novo DLC e a velocidade 200cc que irá tornar o jogo num autêntico F-Zero.

Como tem vindo a ser quase tradição, quando adquiro uma consola da Nintendo, o primeiro jogo que experimento é normalmente Mario Kart. Eu iniciei-me na série quando recebi a minha Nintendo DS que vinha com o Mario Kart DS junto, algo que aconteceu para aí há 8 anos atrás, e foi quase o único joguei que jogava na DS.

Uma vez que já jogo Mario Kart há bastante tempo, eu desenvolvi uma boa tolerância ao azar alheio típico da série que deixaria qualquer novato cheio de azia. No entanto, se me perturbarem enquanto estou a tentar executar um atalho todo elaborado, vocês para mim morreram e não vou descansar até ver o vosso kart na socata.

Na altura em que Mario Kart 8 foi lançado, eu estava com ideias de adquirir uma Wii U e soube que ia haver um torneio no Tufazes do Porto e o vencedor iria receber a consola e o Mario Kart 8 também, por isso tentei a minha sorte. Durante o tempo que passei com o jogo a treinar, achava que tinha uma boa hipótese de ganhar, mas quando o torneio começou, aconteceu algo que não estava a contar… jogar com giroscópio.

Todos os concorrentes foram obrigados a jogar com giroscópio e o vencedor de cada ronda era decidido numa corrida, algo que qualquer jogador decente de Mario Kart irá concordar que não faz sentido. Como seria de esperar, não avancei muito no torneio e foi eliminado na pista do Mount Wario. Mas isso impediu-me de arranjar uma Wii U? Nah, eu comprei logo no dia seguinte.

Já passaram 5 parágrafos e ainda não fiz referência à banda sonora. Pois bem, muito resumidamente, Mario Kart 8 tem a melhor banda sonora da série e eu dou os meus parabéns aos compositores do jogo. Pela primeira vez num Mario Kart, no meio de todo aquele caos cheio de carapaças e cascas de banana, eu consigo realmente desfrutar da música enquanto estou a jogar.

Normalmente escolho uma pista aleatória quando jogo online, mas existem certas pistas, como por exemplo Bowser’s Castle, que só as escolho devido à música.

Os DLC de Mario Kart 8 são o exemplo perfeito de como um DLC deve ser feito, bom conteúdo a um bom preço, e também contribuem com faixas musicais de excelente qualidade. São acrescentadas pistas completamente originais, recriações de pistas antigas que são quase irreconhecíveis comparadas com as originais, e até pistas inspiradas noutras séries da Nintendo, como The Legend of Zelda e F-Zero.

Não tarda Mario Kart vai transformar-se num Super Smash Bros por este andar, e eu não me estou a queixar.

Gostaram das músicas? Costumam aziar muito a jogar Mario Kart? Já experimentaram as novas pistas? Dêem o vosso feedback nos comentários e não percam o próximo PN Jukebox que vai trazer a banda sonora de um jogo que eu já devia ter falado há muito tempo.

Sérgio Batista

Membro do PróximoNível desde 2015. Tira fotos em demasia durante os eventos.

More Posts

Follow Me:
TwitterYouTube

Sérgio Batista

Membro do PróximoNível desde 2015. Tira fotos em demasia durante os eventos.