ProximoNível ao Domingo – 4

E com este fascículo do PróximoNível ao Domingo já vamos em um mês de actividade!

A E3 já lá vai e há que dizer que até foi um ano com várias surpresa, tanto positivas como negativas.

Mas que importa isso quando é Domingo e a semana está a acabar? Para alguns as férias estão a começar, para outros amanhã já é dia de trabalho.

Vamos então terminar a semana com mais alguns temas e sugestões.

Para recordar:

Consolas sem online

Nesta E3, a Microsoft confirmou que a sua consola vai mesmo ter de se ligar à Internet pelo menos uma vez por dia. Para uns um desastre, para outros algo inevitável.

Hoje vou regressar atrás no tempo para relembrar a primeira vez que joguei online a sério numa consola.
Na altura em que a PS2 deu os primeiros passos em direcção ao Online, que tibe o privilégio de participar na Beta online de Socom U.S. Navy Seals, fui um dos primeiros 500 felizardos e durante meses não joguei muito mais do que isto por horas a fio.

Antes da PS2, já a Dreamcast tinha levado os seus jogadores a explorar a internet e sem ser consola, o PC já tinha modos online como algo normal.

Lembram-se da era antes da geração actual? Uma era em que não precisavam de ter a consola ligada à net para actualizar a consola ou jogar os jogos mais recentes com todos os bugs corrigidos?

Antigamente, um jogo ia para a loja tal como estava e por isso (na maioria dos casos) tinham de passar por testes de qualidade mais apertados para garantir um bom padrão de qualidade. Não o padrão do “lançamos assim e corrigimos mais tarde”.

Vamos chegar a um futuro onde os jogos e consolas que temos em casa vão ficar parados no tempo, pois os servidores já estão offline e não haverá actualizações para os vossos jogos. Adeus DLCs, adeus patches, afinações, etc. Se compraram a primeira versão de Skyrim, daqui a 20 anos certamente já o vão jogar tal como ele veio no Disco e todos os problemas vão lá estar.

Lembram-se do tempo em que bastava meter o cartucho ou o disco, ligar a consola e jogar?

Para jogar:

Esta semana a escolha não foi muito simples, mas com toda a coisa em redor do Final Fantasy XV e Kingdom Hearts 3, existe uma série que devem jogar.

Desenterrem o Kingdom Hearts 1 ou o 2, o Birth By Sleep e/ou o Dream Drop Distance e joguem. Porque? Simples.

Tanto Final Fantasy XV como Kingdom Hearts 3 são dirigidos por Tetsuya Nomura e os dois jogos vão utilizar o sistema clássico de RPG de acção ao estilo Kingdom Hearts.

Querem melhor forma de treinar par ao Final Fantasy XV enquanto recordam a história dos Kingdom Hearts?

Para ver:

Esta semana vou recomendar um programa semanal que já ando para recomendar há muito tempo.

Quem daqui conhece o Top 5 da Lisa Foiles? Ninguém? Ok! Este programa semanal apresentado pela talentosa e bela Lisa aglomera alguns dos Top 5 mais inesperados que podem imaginar.

A Lisa apresenta cada um de forma divertida e descontraída. Esta rapariga percebe der videojogos a rodos e ainda consegue ter piada. Além disso é ruiva, querem melhor?

Podem ver os Top 5 da Lisa Foiles aqui.

A minha segunda sugestão é o nosso Podcast sobre a E3 2013 onde damos a nossa opinião sobre o evento e as novidades do mesmo. Este Podcast conta com a minha presença, do Edgar, do Lemos e da Patrícia.

Pois bem, assim chegamos ao fim de mais um PróximoNível ao Domingo. Deixem os vossos comentários e opiniões em baixo!

Até loooogo!

Daniel Silvestre

Fã de jogos, filmes, anime e coisas do género. Jogo desde que me lembro e adoro RPG. Tenho uma grande colecção deles que tenciono acabar. Talvez um dia no lar da 3ª idade.

More Posts - Website

Follow Me:
TwitterFacebook

Share

You may also like...