Final Fantasy XV: Royal Edition a caminho?

 

Ao que parece uma nova edição de Final Fantasy XV está a caminho. A ESRB (Entertainment Software Rating Board), uma empresa de classificações etárias sobre videojogos da América do norte, acabou de classificar um novo jogo de nome Final Fantasy XV: Royal Edition para PS4 e Xbox One.

Ainda não foram revelados quaisquer detalhes sobre a mesma, mas muitos acreditam que se trata de uma edição completa do jogo, com todos os dlc lançados até ao momento, que chegará ao mesmo tempo que a versão de PC.

Por enquanto apenas podemos esperar por algum anuncio oficial por parte da Square Enix.

Alexandre Barbosa

Videojogos e séries de TV são o seu meio de entretenimento favorito. Desde jogos de plataformas a RPGs todos os jogos são um hipotético interesse. Ganhou também alguns traumas com certos videojogos mas isso já era de esperar. Agora já posso parar de falar sobre mim na 3ª pessoa?

More Posts

Alexandre Barbosa

Videojogos e séries de TV são o seu meio de entretenimento favorito. Desde jogos de plataformas a RPGs todos os jogos são um hipotético interesse. Ganhou também alguns traumas com certos videojogos mas isso já era de esperar. Agora já posso parar de falar sobre mim na 3ª pessoa?
  • Medievil

    Assim o espero. Tenho andado com vontade de o jogar há imenso tempo mas sabendo na altura que o jogo ainda estava em “desenvolvimento”, preferi esperar por uma edição completa para que pudesse retirar a melhor experiência. Se o jogo fosse lançado hoje, provavelmente teria sido muito mais bem recebido, tendo em conta o conteúdo e as atualizações que têm saído. Ainda não o joguei, mas após este ano de lançamento de atualizações e conteúdos, parece-me correto dizer que praticamente já não é o mesmo jogo.

    • tylarth

      E não é o mesmo jogo. Existem muitas coisas que foram inseridas e se adicionares os dlc a isso acabas por ter uma história muito mais completa.

      • Medievil

        Pois, porém não será essa a imagem que a comunidade gaming terá do jogo no final. Há até quem diga que estejam a fazer “milking” do jogo. Mas pronto, este é o resultado quando as coisas são feitas à pressa, quando a malta não sabe fazer outra coisa senão pressionar e criticar, quando deviam agradecer por haverem pessoas talentosas a dedicarem-se a fazer algo que a maioria da população nem sequer tem a noção do trabalho que exige.

        Apenas espero que a SE não cometa o mesmo erro nos próximos jogos, nomeadamente em KH3, FFVII Remake e outros. Tivemos a prova em 2017 que um desenvolvimento prolongado nos videojogos compensa (Persona 5, Horizon Zero Dawn, Zelda…), apenas temos de saber ser pacientes. Não é como se houvesse falta de jogos, livros, séries, filmes (uma vida profissional e social que também dá algum jeito, digo eu) para nos entreter até à chegada dos nossos títulos mais aguardados…