Análise – Rollers of the Realm

O género de RPG já foi adaptado a quase todos os estilos de videojogos que existem, seja com acção, puzzle e até condução, existe um pouco em cada género. Curiosamente, o género nunca se havia fundido com Pinball, um estilo que tem vindo a dar cartas com Zen Pinball, mas…

Análise – Dragon Age: Inquisition

Não existem grandes dúvidas que os senhores da Bioware conseguem criar grandes RPG. Seja no espaço, numa era medieval, ou até no mundo de Sonic, estes são alguns dos melhores exemplos de qualidade dentro do género. Apesar de Dragon Age Origins ter sido um jogo aclamado pela crítica e pelos…

Análise – LittleBigPlanet 3

A série LittleBigPlanet é uma daquelas que já é sinônimo da marca Playstation. O primeiro jogo foi uma lufada de ar fresco e um dos grandes exclusivos da PS3, tendo enraizado o conceito Create, Share, Play. Depois de outros jogos, LittleBigPlanet 3 chega à PS4 e PS3 pelas mãos da…

Análise – In Space We Brawl

Tal como sou um grande defensor do formato físico, também tenho uma certa adoração pelo multijogador local. Afinal, cresci a jogar jogos como Micromachines, 007 GoldenEye, Mashed e outros tantos que necessitavam que os amigos se reunissem em frente à consola. In Space We Brawl é um desses jogos, um…

Análise – PES 2015

Chegou finalmente aquela altura do ano. A época em que os dois grandes do futebol já estão nas lojas e onde cada um escolhe o seu lado. Este ano, FIFA 15 chegou primeiro, enquanto PES 2015 resolveu aguardar mais um pouco pela altura ideal. Será que o treino adicional resulta…

Análise – NBA 2K15

Embora a EA esteja a levar NBA LIVE aos treinos, NBA 2K continua a gozar de alguma supremacia, especialmente com todo o legado que já construiu. No ano passado, NBA 2K14 tinha LeBron James como o grande protagonista, mas embora este ano não exista uma figura em destaque (apesar de…

Análise – Infamous First Light

DLC é uma sigla que significa muito hoje em dia. Um DLC tanto pode ser um fato ou uma arma como uma área ou história completamente nova. Temos coisas como um carro para o Gran Turismo ou uma campanha totalmente nova para Borderlands. No entanto, estes conteúdos não podiam ser…

Análise – Skylanders Trap Team

Depois de vários anos e alguns jogos lançados, os Skylanders já são quase que uma presença esperada no universo dos videojogos. Tudo começou com um Spin-off de Spyro, até a ideia ter sido expandida e chegar ao que conhecemos hoje. Hoje em dia, Skylanders é uma série própria e uma…

Análise – FIFA 15

Mais um ano que passa e mais uma série anual de futebol que tem direito a uma nova edição. Este ano as hostilidades foram abertas com FIFA 15, com a Konami a guardar a sua resposta para Novembro. FIFA tem vindo a vencer ao longo dos últimos anos, mas a…

Análise – Alien Isolation

Como disse Franklin D. Roosevelt há uma data de anos atrás, “A única coisa que temos de ter medo, é do próprio medo, uma lição mais que valiosa em muitos casos e que encaixa em Alien Isolation tal como uma luva. Todas as memórias que tenho de Alien são de…

Análise – DriveClub

Enquanto muitos estúdios tentam ficar presos aos seus pergaminhos, criando jogos da mesma franquia em quantidades industriais, outros preferem ir variando na fórumla e testar coisas diferentes com nomes diferentes. A Evolution Studios é um dos estúdios da Sony, que tem vindo a seguir esta tendência ao virar de cada…

Análise – Natural Doctrine

Costuma dizer-se que não são os gráficos que fazem um bom jogo, mas muitas vezes ajudam, além do mais, outros até dizem que olhos também comem, mas por vezes, enganam. No caso de Natural Doctrine, a Kadokawa Games quis criar um jogo focado essencialmente na jogabilidade, descurando um pouco tudo…

Análise – Destiny

Já lá vão uns bons dias desde que Destiny foi lançado, e foi desde o dia de lançamento que comecei a jogar o novo jogo da Bungie e Activision. E vocês perguntam. Tanto tempo para fazer a análise? A resposta é simples. Teve de ser. A análise era para ter…

Análise – Hohokum

Já viram a nossa lista de jogos estranhos? Hohokum podia muito bem fazer parte dela. Um terço jogo de puzzle, outro terço exploração e outro terço não fazer a mínima do que se tem de fazer, este é daqueles jogos que é uma viagem em que o destino nem sempre…