Antevisão – Naruto Shippuden Ultimate Ninja Storm 3

Tal como aconteceu com Naruto Shippuden Ultimate Ninja Storm 2 e Naruto Shippuden Ultimate Ninja Storm Generations, a Namco Bandai enviou uma versão de antevisão para o próximo jogo de saga. Porém, a versão preview para Naruto Shippuden Ultimate Ninja Storm 3 foi bem diferente das últimas edições.

Enquanto os jogos anteriores deixaram ver alguns dos modos de jogo e explorar a história, esta versão de antevisão abriu portas apenas para o sistema de combate e a possibilidade de escolher algumas personagens entre as muitas que vão estar disponíveis na versão final.

Ao iniciar o jogo, fomos remetidos de imediato para um menu de escolha de personagem onde era possível escolher entre os nove Jinchuriki, Hanzo, Mifune e Sasuke. Cada uma destas personagens fazia-se acompanhar de uma selecção de assistências pré-construídas.

Gastei algum tempo a experimentar as variações entre cada uma das personagens e testar os ataques especais e Ultimate Jutsu e depois de algumas rondas, é seguro dizer que o sistema de combate permanece praticamente igual ao anterior, mas algumas das novidades incluídas vão agradar especialmente aos veteranos.

Agora, quando uma personagem perde mais de metade da vida, o jogador adversário recebe um aviso que informa que um Ultimate Jutsu é suficiente para o derrotar e caso seja bem sucedido, o vencedor tem direito a um curto segmento de história da personagem que mostra a sua determinação para combater. É rápido e não é intrusivo, mas pode trazer efeitos indesejados para o combate, pois a presença do aviso vai colocar os dois jogadores em estado de alerta.

Outra boa introdução é a capacidade de interromper transformações com Ultimate Jutsu, ou seja, se um inimigo liberta o seu potencial, ou no caso dos Jinchuriki, o seu Tailed Beast, é possível encaixar o Ultimate no adversário, o que reduz a desvantagem criada pelo bloqueio automático que existia nos jogos anteriores.

Tendo em conta que só havia um cenário para lutar, não consegui por em prática o sistema de ring outs, mas deu para testar as novas combinações em equipa que podem ser realizadas após uma investida, o que pode ser feito ao carregar no botão de ataque durante breves segundos, se esta for bem sucedida, podem chamar as assistências em timings determinados, e por fim, caso percebam a janela de ataque, encaixar um combo ou um Jutsu para dar ainda mais dano.

Tal como no anterior, o sistema de Logs para substituições está de regresso, não permitindo o “spam” que era visto nos primeiros jogos.

Entre todas as personagens disponíveis, nem todos foram do meu agrado. Naruto está claramente mais equilibrado, assim como Sasuke. Por outro lado, personagens como Yugito (Duas Caudas) que é estupidamente forte e veloz ou Han (Cinco Caudas) acabam por ser bem mais fortes ou eficazes que Utakata e o seu Seis Caudas ou Mifune.

Fora alguma necessidade de balancear algumas das personagens, é uma pena que a versão de antevisão não trouxesse mais conteúdo ou elementos de importância para dar uma primeira vista de olhos.

Falta experimentar muitas personagens, ver a influência dos novos cenários, explorar os novos locais do modo história (que vai voltar ao modelo do segundo Storm), entre muitas outras coisas. Certamente vamos ter todas as novidades quando a versão de análise chegar até nós.

Naruto Shippuden Ultimate Ninja Storm 3 chega às lojas no dia 8 de Março para PS3 e Xbox 360. Quais as vossas expectativas para este jogo? Deixem os vossos comentários em baixo.

Daniel Silvestre

Fã de jogos, filmes, anime e coisas do género. Jogo desde que me lembro e adoro RPG. Tenho uma grande colecção deles que tenciono acabar. Talvez um dia no lar da 3ª idade.

More Posts - Website

Follow Me:
TwitterFacebook

Daniel Silvestre

Fã de jogos, filmes, anime e coisas do género. Jogo desde que me lembro e adoro RPG. Tenho uma grande colecção deles que tenciono acabar. Talvez um dia no lar da 3ª idade.