Animes do Inverno 2017 – Openings e Endings

Já se passou um mês, e se já viram a lista de trailers desta temporada de anime e até comentaram o que andam a ver. É altura de então partilharem quais os vossos openings e endings favoritos desta temporada de Inverno de 2017.


[Dragon Ball Super ED7]

Esta temporada não ando a seguir tantos animes como normalmente faço, e o motivo é mesmo devido a nenhum me ter interessado assim tanto, daí a lista desta vez ser pequena. Mas indo para a coisa importante, sei que Dragon Ball Super recebeu uma nova abertura, mas apenas tem um episódio com essa abertura, sendo que não deu para avaliar bem. Ao contrário da opinião de muitos, au até que gostava da abertura original, no entanto vamos falar do ending.

O ending também é novo, verdade que foi há coisa de um mês, mas o mesmo já recebeu duas versões, a original que está ali em cima, e versão animada ali em baixo. A música acaba por ser mais calma em comparação ao ending anterior, coisa que não me desagrada, e a parte visual acaba por dar um pouco de nostalgia a quem leu manga (mesmo que as partes mostradas sejam de Super e não da aventura de Dragon Ball).

A segunda versão do novo ending acaba por ter a parte visual animada, e não apenas simples painéis de manga. Honestamente acabei por gostar mais da primeira versão, devido às cores frias usadas (é algo que me agrada imenso) e pela maneira como é apresentado. A versão animada possui uma cores mais quentes e uns eventos diferentes para tornar as coisas mais… animadas.

[Dragon Ball Super ED7 V2]


[Demi-chan wa Kataritai ED]

Continuando com os endings, o de Demi-chan pode ser bastante simples, mas tal como o de Dragon Ball Super, é a direção artística que acaba por me atrair. E por vezes simples é suficiente, não é preciso ter vários elementos presentes nem abusar no orçamento apenas para se fazerem sobressair, o esquema de cores agrada-me bastante, e a simplicidade não é má, uma vez que o anime não tem muito por onde ir, decidindo apenas definir cada personagem pelo que estavam a segurar.

E finalmente, passando para o primeiro (e último) opening deste artigo. E que opening, falei em como o ending de Demi-chan era simples para não abusar do orçamento, mas o opening de Blue Exorcist 2 é exactamente o contrário. Será que precisava? Não, mas tendo em conta que o anime regressou apôs seis anos e estão a adaptar o conteúdo original, o estúdio deve ter achado que deviam de subir de nível para agradar aos fãs.

Gostei das aberturas da primeira temporada devido à música, em especial a primeira. Uma vez que os visuais não eram assim grande coisa, mas nesta nova temporada tenho a dizer que estou bastante impressionado e que suporto todo o dinheiro gasto nesta abertura. Quer em termos visuais como na música (embora continue a preferir a música da primeira abertura).

[Blue Exorcist 2 OP]

——————————

Existe sempre um ou outro ending que ache catchy, mas estes são os que na minha opinião merecem destaque. Então e vocês? Digam na zona de comentários.

Mathias Marques

Editor oficial desde Agosto 2014 Para além de videojogos também gosto de anime. Podem ver-me a apregoar sobre ambos os assuntos no site em forma de notícia, artigo ou análise. Tenho a sorte de encontrar momentos parvos enquanto estou a jogar, ou de os criar eu mesmo.

More Posts

Follow Me:
TwitterYouTube

Share

You may also like...