Análise – Super Mario Bros. 3

super-mario-bros-3-rev-top-pn

A Nintendo e a série Super Mario andaram de mãos dadas para assentar os alicerces que tornaram a indústria dos videojogos naquilo que é hoje em dia, e muita da qualidade e inovação que mostraram no passado, conseguem replicar de uma maneira impressionante hoje em dia. Mas não é do futuro nem do presente que vamos falar hoje, mas sim do passado, dando um pulinho a 1988 para conhecer um dos melhores jogos feitos até hoje.

Falo certamente de Super Mario Bros 3, um dos jogos de plataformas mais influentes de que há história, não só pela sua acção variada e viciante, mas também pela atenção aos pormenores e elementos importantes. O sucesso deste jogo foi muito grande, o que trouxe bastantes versões e ports para várias consolas da Nintendo ao longo do tempo. Eis então que chega à Virtual Consola da Wii U e 3DS.

super-mario-bros-3-rev-1-pn

Super Mario Bros 3 é um jogo de plataformas que coloca mais uma vez Mario nas luzes da ribalta. A história que muito conhecemos volta-se a repetir, com o rapto da Princesa Peach pelas mãos do vilão Bowser. Cabe então a Mario navegar pelas oito regiões distintas nesta demanda pelo salvamento da princesa do reino Mushroom.

A nossa acção passará pelas escolhas que iremos fazer no mapa mundo que antecede cada cenário que iremos fazer. Nesse mapa mundo iremos delinear o nosso percurso e desbloquear mais caminho para atravessar sempre que fizermos progresso nos cenários que escolhermos. Nem só de acção vive este Super Mario Bros, havendo momentos em que temos de fazer alguns mini-jogos puzzle que nos podem garantir mais vidas e até power-ups que nos serão úteis. Certas regiões têm vários caminhos para o castelo principal, por isso cabe ao jogador escolher o que fazer.

super-mario-bros-3-rev-2-pn

Por falar em power-ups, Mario não estará cingido aos conhecidos cogumelos, estrelas e flores, havendo novas adições que iriam durar com a evolução da série. Desde uma folha que nos dá a possibilidade de planar e atacar com uma cauda, até ao fato de sapo que nos permite nadar mais depressa. Sem dúvida que a Nintendo não poupou na imaginação no que toca a novos power-ups. Outra adição interessante é a barra “P” que irá permitir durante alguns segundos que Mario faça saltos ainda maiores – ou voar caso tenha usado uma folha – e que é enchida sempre que consigamos correr sem parar uma distância considerável.

A apresentação é também um factor fundamental neste clássico. Para além de haver vários pormenores interessantes e uma enorme variedade no que toca a cenários, a Nintendo consegue jogar muito bem com a escala visual do jogo, isto porque passa de um mini-mapa para o jogo com uma naturalidade interessante e sem sacrificar a apresentação e até adiciona situações impressionantes tal como acontece no mundo 4, onde todos os objectos e inimigos estão gigantes. A banda sonora produzida por Koji Kondo ainda nos faz dançar na nossa cadeira e trautear.

super-mario-bros-3-rev-3-pn

Estas duas versões – Wii U e 3DS – que chegaram à Virtual Console estão igualmente espectaculares. Não existem grandes aspectos negativos dignos de serem frisados, mas apenas tenho a dizer que o jogos demorou demasiado tempo para chegar à loja digital, algo que me deixou altamente ansioso. Uma viagem nostálgica em grande, este Super Mario Bros 3.

Positivo:

pn-recomendado-ana

  • Um marco no que toca a jogabilidade com precisão
  • Banda sonora fica no ouvido
  • Variedade nos cenários
  • Power-ups interessantes
  • Introdução de mapa mundo único que seria utilizado por outros videojogos
  • Nenhuma diferença entre a versão 3DS e Wii U

placa excelente4

 

Share

You may also like...