Análise – Mahou Shoujo Madoka Magica

Informação Global:

  • Episódios: 12
  • Ano: 2011
  • Produtores: Aniplex, Shaft, Mainichi Broadcasting, Movic, Nitroplus, Aniplex of America, Madoka Partners, Hobunsha
  • Géneros: Magia, Psicológico, Thriller, Quotidiano
  • Idades: +17
  • Linguagem: Japonesa

Sendo um Anime Magical Shoujo, cheio de fatos com folhos, varinhas mágicas e meninas fofinhas, Mahou Shoujo Madoka★Magica dá uma primeira impressão um tanto ou quanto duvidosa. Não sendo grande fã deste género, admito que acabei por ver o Anime pela enormidade de recomendações e garantia de que era realmente bom e surpreendente. Um dos grandes incentivos para ver Mahou Shoujo Madoka★Magica é o de ser produzido pela Shaft (Bakemonogatari) em cooperação com Shinbou Akiyuki (Hidamari Sketch), que antecipa um estilo visual único que define as suas animações. Shaft deu claramente o seu melhor e tentou criar algo mais futurístico e cru a nível de detalhe nesta animação em particular.

Tudo começa com a vida quotidiana normal de Kaname Madoka, uma rapariga do 8º ano da escola Mitakihara. Amada pela família e melhores amigos, Madoka tem um encontro mágico que lhe poderá vir a mudar o seu destino. Um novo inicio que, em troca de um desejo concebido, lhe é dado poder de se tornar numa rapariga mágica que combate para a eternidade contra bruxas pelo bem e paz da humanidade.

Ao início a história parece ser um pouco cliché, com uma temática comum e quotidiana mas, à medida que vai evoluindo, notamos que tudo foi planeado e concebido ao detalhe revelando elementos importantes ao desenvolver da história. As personagens principais vão aparecendo, sendo bem introduzidas explicando o seu passado assim como o seu presente, cada uma com o seu devido tempo de antena. Não existem momentos mortos, tudo é importante de forma a cativar o espectador.

Incluindo os elementos principais de um Magical Shoujo, Mahou Shoujo Madoka★Magica é o primeiro a utilizar suicídio, homicídio, morte e a mistura-los com o estado psicológico de cada personagens mediante o seu envolvimento. Sem este factor e sem a exploração do mesmo, a história seria inexistente e pouco fundamentada. Este Anime diverge de um típico Magical Shoujo porque, em vez de retratar o lado bom em ter poderes, retrata o lado mau e as suas consequências, daí ser um tipo de Anime mais agarrado a vida real, aos problemas e como os temos de enfrentar. Embora Mahou Shoujo Madoka★Magica seja um Anime de apenas 12 episódios, consegue retratar sem falhas e a seu tempo como a vida não é apenas um mar de rosas e sim quanto crua, injusta, stressante, obscura e temível esta pode vir a ser.

A nossa protagonista, Kaname Madoka, auto intitula-se como uma rapariga normal, burra e sem habilidades especiais. As personagens são mais complexas do que parecem e evoluem rapidamente e para melhor entendimento aconselho verem o Anime mais do que uma só vez. Mahou Shoujo Madoka★Magica centra-se mais nas amizades, relações interpessoais e nos problemas do ser humano do que em arco-íris, rosas, unicórnios, magias e fofuras. Quanto mais poderosas são as personagens, mais instável é o seu estado psicológico e emocional.

Quanto à animação, as transformações e as cenas de batalha levaram um tratamento diferente e melhor a nível visual. Não são de todo eróticas (com silhuetas semi-nuas ou ângulos duvidosos) mas sim uma mistura de “cute” com obscuridade e poder que resultam num padrão raro e único de se ver num Magical Shoujo. A animação aplicada às personagens consegue transmitir com facilidade as diversas emoções sentidas num estilo de desenho mais fofo. Os mundos opostos também contêm um tratamento diferente, o dia a dia recebe um aspecto mais brilhante, claro e solarengo enquanto que à noite, os combates e o mundo das bruxas é mais escuro, robusto, tenebroso, distorcido e estranho.

Sonoramente, contamos com o excelente trabalho de Kajiura Yuki (compositora de Kara no Kyoukai, Tsubasa Chronicles, .Hack). A banda sonora é soberba, consegue complementar e caracterizar muito bem cada cena com o devido sentimento. Mais uma vez falando dos opostos, a abertura deste Anime é uma música mais feliz e mais dentro de um típico Magical Shoujo, acompanhado duma animação rosada e querida e de uma voz mais angelical. Enquanto o encerramento, interpretado pelas Kalafina, é muito mais distorcido e negro, com um tom mais obscuro tanto de música como animação. O poder das vozes é sentido e concebe na perfeição o sentimento pretendido.

Nas vozes, os papéis foram cuidadosamente seleccionados mediante a melhor voz para cada personalidade: Kyuubey/Kato Emiri (Hachikuji de Bakemonogatari, Maylene de Kuroshitsuji e Kagami de Lucky☆Star), Mikki/Kitamura Eri (Izumo de Ao no Exorcist, Saya de Highschool of the Dead e Alleyne de Queen’s Blade) e Mami/Mizuhashi Kaori (Miyako de Hidamari Sketch, Yuuno de Mahou Shoujo Lyrical Nanoha e Elina de Queen’s Blade).

Mahou Shoujo Madoka★Magica é sem dúvida um Anime a não perder, sendo muito diferente dentro do género que atrai ambos os públicos, tanto raparigas como rapazes. É uma série de sucesso e considerado por muitos como o Anime do ano 2011, embora ainda não seja muito conhecido em Portugal, espero que com esta análise consigam dar uma hipótese a Mahou Shoujo Madoka★Magica que certamente irá marcar pelo positivo. Com uma história muito bem escrita, plausível, planeada e sem falhas, uma exploração eximia de cada personagem individual ou como grupo, uma animação tanto dentro do género como fora, um acompanhamento musical exuberante e de alto calibre, Mahou Shoujo Madoka★Magica tem um desenlace brilhante que faz desejar por mais.

Positivo:

  • História excelente, bem escrita e sem falhas
  • Rápida evolução de acontecimentos mas tudo a seu tempo
  • Personagens exploradas ao máximo, tanto física como psicologicamente
  • Animação de Opostos: Mahou Shoujo e Terror Psicológico
  • Música Expressiva
  • Boa conclusão

Negativo:

  • Algumas falhas de animação em ângulos mais afastados
  • Drama emocional excessivo