Análise – Kirby’s Blowout Blast

Este é um jogo pequeno com um preço pequeno que tem como protagonista um dos heróis mais versáteis da Nintendo. Já vimos Kirby em jogos de plataformas, corridas, luta, pinball e até o transformaram em linhas e plasticina; assim com uma mascote que tem imensos jogos experimentais chega-nos mais um.

Kirby’s Blowout Blast é um jogo em 3D que consiste em completar alguns níveis com a melhor pontuação possível. A principal arma de Kirby, e a única neste jogo, é a capacidade de aspirar inimigos e transformá-los em projecteis para serem arremessados contra outros inimigos. Assim todo o jogo se baseia nesta habilidade, quantos mais inimigos aspirarmos e posteriormente arremessar-mos mais pontos ganhamos.

O jogo acaba por utilizar um sistema de pontuação que premeia a paciência. Todos os inimigos seguem certos tipos de padrões que de uma forma ou de outra acabam por fazer com que existam alturas em que é possível derrotar-los a todos em simultâneo, e é essas alturas que temos de encontrar para ter as melhores pontuações. Assim o grande desafio que o jogo nos propõem é que passemos todas as lutas de cada nível em sucessão com a melhor pontuação possível. É um objectivo simples mas complicado de alcançar até descobrirmos a posição ideal.

São 5 mundos com vários níveis e um Boss no fim de cada mundo. Apesar de cada nível ter um tema, tudo parece muito igual pois a estrutura não se modifica ao longo desta pequena aventura. São sempre corredores que vão dar a áreas onde nos é proposto um desafio e após derrotar os inimigos dessa área avançamos por mais corredores até chegarmos à próxima área.

No fim do nível recebemos um troféu que representa o quão bem nos saímos assim como algumas medalhas com desafios: não perder vida, derrotar todos os inimigos, acabar o nível rapidamente etc.

Se obtiverem pelo menos o troféu de ouro em todos os níveis de um mundo, vão desbloquear versões alternativas dos mesmos níveis com um nível de dificuldade mais elevado. Tendo em conta que os níveis normais são bastante fáceis e a única dificuldade está mesmo em descobrir os melhores momentos para atacar estas versões mais complicadas são muito bem vindas e acabam por ser ainda mais divertidas.

Kirby’s Blowout Blast tem suporte para amiibo que façam parte da família Kirby, no entanto tudo o que fazem é colocar uma estátua no hub que muda a música que está a tocar. É melhor do que nada mas seria engraçado jogar com o King Dedede por exemplo.

O aspecto é exactamente aquele que esperam tendo em conta uma perspectiva aérea, tudo muito colorido, redondo e cartoonesco. O visual é acompanhado de uma banda sonora que não será estranha a quem jogou o Kirby original uma vez que Kirby’s Blowout Blast tem o seu conteúdo baseado no mesmo.

Este é um jogo pequeno com um preço pequeno e que tem as suas qualidades, é um jogo divertido enquanto dura e isso é uma questão de poucas horas. Se quiserem ter a melhor pontuação possível em todos os níveis poderão retirar daqui algum tempo de jogo extra mas deixo isso ao vosso critério. Na minha opinião é um jogo bastante básico que fica aquém de tantos outros jogos de Kirby disponíveis na mesma plataforma, mas um bom jogo na mesma.

Positivo

  • Fácil de aprender
  • É divertido, sobretudo nos níveis alternativos que proporcionam mais desafio
  • As lutas contra Boss são bastante boas
  • Visual bastante apelativo
  • Faixas musicais acompanham bastante bem o aspecto visual e o tom da série

Negativo

  • Repetitivo mesmo sendo um jogo curto
  • Os níveis seguem sempre a mesma fórmula
  • Demasiado fácil para a grande maioria dos jogadores

Alexandre Barbosa

Também conhecido como Tylarth, sou um grande fã de videojogos no geral e séries de TV.

More Posts

Alexandre Barbosa

Também conhecido como Tylarth, sou um grande fã de videojogos no geral e séries de TV.