Análise – Final Fantasy X | X-2 HD Remaster

final-fantasy-x-and-x-2-hd-remaster-ana-top2

Embora a maioria continue a dizer que Final Fantasy VI ou Final Fantasy VII são os melhores da série até hoje, o melhor e o favorito absoluto continua a ser discutível.

Para mim o melhor é Final Fantasy VIII, para alguns membros da comunidade (como o Lfo) é o Final Fantasy XII e por aí a fora. Curiosamente, no meio de todos esses está Final Fantasy X, um que pode não ser o favorito da maioria, mas terá sempre um lugar no coração dos fãs.

final-fantasy-x-x2-hd-6-pn

Não foi portanto de estranhar que o anuncio do HD Remaster de Final Fantasy X fosse aguardado por todos, afinal era a evolução possível numa geração mergulhada em updates para HD. Qual a melhor parte? Final Fantasy X | X-2 HD Remaster não é um simples update HD como a maioria.

Como o nome indica, Final Fantasy X | X-2 HD Remaster inclui os dois jogos da história de Tidus e Yuna, além de dois extras, o mini-filme Eternal Calm que faz a ponte entre Final Fantasy X e X-2 e o Last Mission, um segmento jogável de Final Fantasy X-2 que dá um novo final à segunda aventura.

final-fantasy-x-hd-imagens-11-11-pn-n_00040

Para qualquer jogador que tenha jogado ou não estes jogos, Final Fantasy X | X-2 HD Remaster apresenta um valor altamente recompensador pelo seu preço, estamos a falar de dois RPG com pelo menos mais de 50 horas cada, recheados de conteúdo e extras que podem duplicar ou triplicar esse tempo de jogo.

Tal como em Kingdom Hearts 1.5 HD Remix, a Square-Enix voltou a criar uma actualização HD verdadeiramente luxuosa, que é mais do que uma passagem para HD. Muitos dos modelos, cenários e até elementos como a água foram claramente melhorados e trabalhados para estas versões, o que a espaços até consegue estar ao nível de um jogo mais básico de PS3, sendo extremamente positivo.

final-fantasy-x-x-2-hd-remaster-trailer-lancamento-pn-n_00018

Na sua vasta maioria, as alterações são notórias e até a fluidez parece muito mais constante do que nas versões originais lançadas para a PS2.

Quem jogou os dois jogos, sabe claramente que Final Fantasy X é aqui a estrela da companhia e o melhor jogo da colecção sem sombra de dúvidas. De qualquer forma, e ao estilo do que sucedeu com a HD Collection de Tales of Symphonia Chronicles, um jogo extra é sempre bom, e curiosamente, apreciei muito mais jogar Final Fantasy X-2 depois de todos estes anos, do que na altura, onde para mim dava os Final Fantasy por turnos como algo assegurado que me ia acompanhar para o resto da vida.

final-fantasy-x-x-2-hd-remaster-trailer-lancamento-pn-n_00004

As diferenças entre as versões PS3 e PS Vita são mínimas, tanto em funcionalidades como no que toca ao campo visual. Na PS Vita uma ou outra função dá uso ao ecrã táctil, mas são adições puramente opcionais. Confesso que gastei bem mais tempo a rever estas actualizaões na PS Vita do que na PS3 e estes são jogos soberbos para se levar na portátil.

Sendo jogos já com alguns anos em cima, é natural que a ilusão da conversão HD caia um pouco por terra devido a certas acções e movimentos das personagens, as quais ainda executam movimentos robóticos e rígidos típicos para a altura. Não é nada que seja incomodativo e com todo o trabalho aplicado a esta conversão, até acaba por ser um piscar de olhos aos tempos de antigamente.

final-fantasy-x-hd-imagens-11-11-pn-n_00031

Em relação à música, Final Fantasy X recebeu uma versão remasterizada com algumas mudanças que tornam algumas músicas em algo melhor, mas outras acabam por perder a sua magia. Eu preferia jogar com as músicas originais, mas é preciso reconhecer que as novas versões estão igualmente boas, falhando apenas na luta contra a nostalgia, o que nem vai fazer sentido para alguém que o esteja a jogar pela primeira vez.

Com mais de 200 horas no meu save da versão PS2 de Final Fantasy X e quase 60 em Final Fantasy X-2, é bastante natural que estivesse com boas expectativas para Final Fantasy X | X-2 HD Remaster. O resultado não podia ser melhor, estamos a falar de mais um trabalho de transformação para HD de topo que vai agradar não só aos fãs dos originais, como a todos aqueles que queiram reviver estes clássicos.

Positivo:

  • Remaster no verdadeiro sentido da palavrapn-recomendado-ana
  • Alterações visuais apelativas
  • Inclusão de extras inéditos
  • Igual na PS3 e PS Vita
  • Mais de duas centenas de horas de jogo
  • Um verdadeiro apelo à nostalgia

Negativo:

  • É um pena a PS Vita não ter os dois jogos no cartucho
  • Movimentos forçados do início de vida da PS2
  • Sincronização labial continua a não coincidir com as vozes

placa excelente4

Daniel Silvestre

Fã de jogos, filmes, anime e coisas do género. Jogo desde que me lembro e adoro RPG. Tenho uma grande colecção deles que tenciono acabar. Talvez um dia no lar da 3ª idade.

More Posts - Website

Follow Me:
TwitterFacebook

Share

You may also like...