Análise – Digimon Adventure tri. 2: Ketsui

digimon-adventure-tri-ketsui-00-pn

Depois de esperarmos algum tempo desde Novembro do ano passado, chegou finalmente o novo capítulo de Digimon Adventure tri. Tal como foi feito anteriormente, o 2º capítulo de nome Ketsui (Determinação) está dividido em 4 episódios e vou avaliar os episódios como um todo.

Depois dos eventos de Saikai, os Adolescentes Escolhidos voltam a estar reunidos com os seus respectivos Digimon quando começam a ocorrer distúrbios e surgem Digimon infectados a causar problemas. O grupo junta-se novamente para descobrir a origem desta nova ameaça e conta com a ajuda de uma nova personagem chamada Meiko e da sua companheira DigimonMeicoomon.

digimon-adventure-tri-2-ketsui-analise-02-pn

Desta vez, o foco é dado mais a Mimi e Joe. Desde sempre a Mimi foi a mais extrovertida do grupo, sem medo de dizer o que lhe vêm na mente e de fazer as coisas à sua maneira. No entanto, ela começa a perceber que essa atitude nem sempre é vista de bons olhos e às vezes cria problemas com outras pessoas. Quanto a Joe, que andou um pouco ausente no capítulo anterior, é explorado um pouco mais a razão por detrás das suas acções e porque evita estar com os restantes Adolescentes Escolhidos.

Enquanto o conflito interno de Tai no capítulo anterior podia ter sido melhor executado, em Ketsui exploraram melhor as personagens de Joe e Mimi, acabando com uma resolução satisfatória para cada um. Também tivemos mais tempo para conhecer melhor a Meiko uma vez que ela e a Mimi passaram mais tempo juntas.

digimon-adventure-tri-2-ketsui-analise-06-pn

Quanto às restantes personagens, não tiveram muito tempo de antena portanto não se destacaram tanto. O Tai e o Matt ainda estão chateados um com o outro sobre o que aconteceu durante a batalha contra Alphamon e parece que vão arrastar este dilema até aos próximos capítulos. O próximo filme vai chamar-se Kokuhaku (Confissão), e pelo o que podemos entender dos últimos momentos do trailer lançado para o 2º capítulo, deverá ser focado no T.K.

Em relação à série original, Digimon Adventure tri. tem sido mais focado na interacção das personagens entre si e na sua vida pessoal e não tanto nas sequências de acção, algo que se tornou mais evidente em Ketsui. Contudo, este capítulo foi marcado por mais momentos de humor que faziam falta em Saikai, com destaque para Izzy.

digimon-adventure-tri-2-ketsui-analise-03-pn

Um dos aspectos que critiquei na minha análise do 1º capítulo foi a qualidade da animação que sofria de algumas inconsistências. Apesar de ainda existirem momentos em que podia estar melhor, a animação não me incomodou tanto neste capítulos. No entanto, tinha pedido apenas que houvesse um pouco mais de rigor nas sequências das digivoluções.

Por falar em digivoluções, tivemos direito a duas digivoluções novas de nível Mega para Palmon e Gomamon, e ao contrário do que aconteceu no fim do capítulo anterior, não passaram à frente nenhuma sequência de transformação. Só acho estranho que tenham feito modelos 3D apenas para as digivoluções de nível Adulto e não para as restantes.

digimon-adventure-tri-2-ketsui-analise-01-pn

O paradeiro das personagens de Digimon Adventure 02 continua desconhecido, mas desta vez vemos a aparição de alguém que parece ser o Imperador Digimon. Será o Ken? Será que voltou a ser má pessoa? Será outra pessoa? Que Digimon de capa vermelha é aquele que anda a seguir os Adolescentes Escolhidos? E o que raio aconteceu no fim deste capítulo!? Como é evidente, ainda há muitas questões para responder e só temos que esperar até Setembro para o próximo capítulo. Yey…

Em geral, Digimon Adventure tri. 2: Ketsui foi um capítulo mais interessante e satisfatório do que o anterior. É de esperar que as restantes personagens do grupo tenham mais destaque nos filmes seguintes, e também espero que haja algumas revelações de peso para demonstrar o que está verdadeiramente em jogo.

digimon-adventure-tri-2-ketsui-analise-04-pn

Opinião extra por: Mathias Marques

Ketsui, cujo significado é determinação, não podia estar mais certo quanto ao tema do filme. O foco principal da segunda parte da série Digimon Adventure Tri.  foi a determinação de Mimi e Joe quanto à corrente situação que estão a enfrentar, tanto na sua vida diária, como o assunto dos Digimon infectados.

 

Mimi foi a personagem a qual muitos prestaram atenção neste filme, mas o meu foco foi em direção de Joe Kido. Então e porquê? Em Digimon Adventure, Joe era a personagem que mais se preocupava com todos, e a sua resolução no fim acabou por ser em seguir o seu próprio caminho. Levando-o aos estudos o qual anda tão concentrado nestes filmes.

 

Devido ao Joe ser a personagem do grupo que mais respeito, esta decisão de voltar a dar-lhe problemas que já havia resolvido andava a incomodar-me desde o primeiro filme. Felizmente a razão e a solução do problema que assombrava Joe acabaram por receber uma boa justificação. E mais uma vez foi demonstrada que a ligação entre Joe e Gomamon é uma das melhores entre o grupo.

 

Quanto a Mimi, continua a ser ela mesma, mas mais madura do que era na primeira série. Mas isso não me impediu de achar mau a maneira como o seu problema para este filme foi criado, tendo em conta que em Digimon Adventure os assuntos sempre eram mais maduros. No entanto foi algo resolvido rapidamente e acabei por gostar da forma como Mimi tratou do assunto.

 

digimon-adventure-tri-2-ketsui-analise-05-pn

 

Já algo ainda sem resolução é o desentendimento entre Taichi e Yamato, embora se tenha levantado um pouco o véu, algo que me leva a crer que será apenas revelado como flashback prequela num dos próximos filmes.

 

Falando em personagens, o segundo filme teve algumas que regressaram, nomeadamente Leomon e o Ogremon. Que apesar de terem algum destaque, quase que não passam de câmeos para tristeza minha.

 

O filme teve na sua maioria momentos cómicos, que conseguiram ter um bom balanço com a drama das personagens. No entanto tenho de destacar o novo arranjo da banda sonora de Digimon Adventure, uma vez que foi possível ouvir novas músicas neste segundo filme, algo novo e nostálgico ao mesmo tempo, que acabou por me deixar bastante contente.

 

Enquanto que a parte 1 apresentou-nos novamente o grupo, a segunda parte não perdeu tempo a explorar as mudanças que as crianças, agora adolescentes escolhidos, sofreram desde a sua última aventura. Agora que a história já ganhou rodas, é de esperar que os próximos filmes continuem com esta onda de desenvolvimento, mas desta vez com mais acção.

Positivo

  • Desenvolvimento de Mimi e Joe
  • Novas digivoluções
  • Momentos cómicos

Negativo

  • Menos sequências de acção
  • Ainda não sabemos nada sobre as personagens de Digimon Adventure 02
  • Esperar até Setembro para o próximo capítulo

 

pn-muito-bom-2016-3

Sérgio Batista

Membro do PróximoNível desde 2015. Tira fotos em demasia durante os eventos.

More Posts

Follow Me:
TwitterYouTube

Share

You may also like...