Afinal o que pode vir a ser a Nintendo NX?

profecias-da-nintendo-nx-pn-n_00006

Já todos sabem que a Nintendo NX está a caminho. A própria Nintendo já confirmou que estaria a desenvolver a nova consola, mas até agora, sem grandes novidades ou detalhes sobre a consola.

Como sempre, até hoje, sempre tive uma espécie de fascínio por tentar adivinhar o que a indústria vai trazer no futuro, por isso já fiz várias apostas que se tornaram realidade, como o clássico, Final Fantasy Versus 13 vai ser o Final Fantasy 15, isto meses antes de ser confirmado.

Por isso mesmo, está na altura de atirar para o ar hipóteses e pensar no que seria a consola ideal da Nintendo para o futuro. Quem acompanha os nossos Podcasts vai certamente reconhecer algumas ideias, mas agora está na altura de aprofundar as minhas profecias.

profecias-da-nintendo-nx-pn-n_00001

Para começar, temos de pensar sobre o que é a NX e a altura em que ela chega ao mercado, nada mais nada menos que 2016, segundo os rumores mais recentes apontam.

A NX chega numa altura em que a Nintendo 3DS já está há vários anos no mercado, mais precisamente, pouco menos de 5 anos. A Nintendo 3DS XL é isso mesmo, uma Nintendo 3DS, por isso já está mais que na altura da Nintendo dar “o salto” para algo novo.

No outro lado da moeda está a Wii U, que está a começar a perder algum gás em jogos caseiros (feitos pela Nintendo) e perdeu quase todo o apoio de 3rd Party. A consola está a entrar numa fase em que ainda tem jogos bons e recentes, mas até coisas como The Legend of Zelda da Wii U foi adiado de forma misteriosa.

profecias-da-nintendo-nx-pn-n_00002

A Wii U não vendeu terrivelmente mal, e tem vários jogos que interessam, mas existe um problema que a impede de chegar a todas as mãos, o facto de ser complicado programar para uma consola que não tem a mesma arquitectura e poder que a PS4 ou Xbox One é uma limitação. Imaginem que ainda havia apoio de companhias 3rd Party neste Natal, não só a Wii U ia ter Mario Tennis e Xenoblade Chronicles, como ainda ia ter Fallout 4, Star Wars Battlefront, Call of Duty Black Ops 3 e até Assassin’s Creed Syndicate.

Já viram como isto ia fazer dela uma consola mais apetitosa, pois os fãs da Nintendo não iam precisar de ir beber a outras consolas para ter todas as grandes bombas. Mas sabem onde isso acontece? Na Nintendo 3DS, pois é a consola vencedora e o padrão para programação actual. Tudo indicava que a Nintendo 3DS ia falhar a início, mas olhem como ela está bem agora.

Se a Wii U precisa de evoluir para integrar o mercado em termos “visuais” e existe a necessidade de evoluir a Nintendo 3DS, esta é a altura ideal, pois a Nintendo 3DS prova que o mobile não matou as portáteis e o sucesso da PS4 e Xbox One asseguram que as consolas estão bem vivas. Mas onde pode a Nintendo agradar a todos os mercados ao mesmo tempo sem lançar duas consolas? Ainda bem que perguntam.

profecias-da-nintendo-nx-pn-n_00005

Olhando para a bola de cristal e numa era em que os telemóveis e tablets já conseguem fazer coisas impressionantes em termos visuais e é possível construir grandes máquinas em caixas pequenas. Porque não também uma consola caseira, que é na realidade uma portátil? Imaginem bem, até agora tinham a vossa Nintendo 3DS e Wii U ou outra consola caseira em formato separado. Agora pensem, que tal levar a consola de casa para todo o lado? A resposta está no Gamepad da Wii U.

E se a NX for mesmo na realidade uma consola caseira que pode ser usada como um portátil? Imaginem que estão em casa a jogar e precisam de sair. A NX é uma consola com ecrã que está ligada à vossa TV, sendo possível jogar nela, seja com a própria NX, ou com um comando como o Wii U Pro Pad ou o Wii Remote. Sim, uma consola normal, portátil, à qual podem ligar comandos e jogar na TV como uma consola normal. Agora vão sair de casa e podem continuar a jogar o que estavam a jogar, seja no comboio, no jardim ou no autocarro, tal e qual como uma consola portátil.

Agora vem a parte mágica, quando regressam a casa, ligam a consola novamente à TV por HDMI, ligam a alimentação, a imagem passa para o ecrã, carregam num Wii U Pro e continuam a jogar. Não é um mundo bem melhor? Eis a mistura entre a Nintendo 3DS e a Wii U, agora misturem isto com um CPU jeitoso, boa RAM e uma gráfica integrada de pequenas dimensões e acabam por ter uma consola que corre os jogos mais actuais, em algo um pouco mais pequeno até que o Gamepad actual da Wii U.

profecias-da-nintendo-nx-pn-n_00004

Isto parece uma boa ideia, mas agora perguntam. Então e a minha Wii U? Ainda agora a comprei e ela está há tão pouco tempo no mercado… Eu sei, e ela não vai embora para já, pois o mais certo é haver uma migração. Os jogos que tenham na eShop migram com a vossa conta graças ao novo serviço que a Nintendo está a criar para as contas de utilizadores, por isso, os vossos jogos digitais vão estar lá, para os físicos continuam a ter a Wii U e quem ainda quer jogar sem a ter, terá tudo retro-compatível na eShop.

Parece um mundo demasiado perfeito não é? Sem dúvida, mas já não é a primeira vez que a Nintendo tenta inovar, e se precisa de evoluir para duas consolas novas, porque não jogar no mercado que mais domina? O das consolas portáteis. Seria uma grande mistura e uma forma de garantir que quem quer consola portátil opta pela Nintendo e se já tem consola que joga os jogos da actualidade, porque não jogar tudo no mesmo sistema e em qualquer lado?

Resta olha para a evolução da tecnologia e pensar se tudo isto será possível. No mercado já existem computadores bastante poderosos tão espessos como uma revista e mais leves que um gato, por isso seria assim tão imporvável? Quando chegar, a Nintendo NX vai ter direito ao novo The Legend of Zelda e muitos outros jogos da Nintendo que já devem estar a ser planeados (quem sabe se o novo Starfox também não será lançado na Wii U e NX), além de outros jogos multiplataforma.

profecias-da-nintendo-nx-pn-n_00003

Tendo em conta que tudo indica que a consola será lançada durante o próximo ano, devem surgir mais novidades na primeira metade do ano, com a E3 a servir como o regresso aos palcos para revelar todos os jogos e características da consola, antes de um lançamento na segunda metade do ano. É o plano de acção que faz mais sentido, pois ainda falta falar dela e levantar o Hype, além de que os estúdios precisam de ter tempo para preparar os desenvolvimentos para 2016.

A maior incognita será o preço, pois se houve algo que a Nintendo aprendeu com a Nintendo 3DS, é que não se pode lançar algo a um preço tão elevado quando se trata de algo portátil, mas pode alegar sempre que são “duas consolas” por uma. Eu aposto em algo entre os 300€ e 400€, com versões com e sem comandos extra, o que diminui o preço da versão Core. Cai o disco e entram os cartuchos tal como na Nintendo 3DS, afinal, é possível ter uma memória com 32Gb ou mais por um preço muito baixo.

Claro que tudo isto não passa de apostas e ideias do que poderá acontecer e o que será lançado. Já acertei muitas vezes, mas também já falhei umas quantas. A hipótese de acontecer? Eu diria que 50% é bem provável, outros 50% é imaginação, mas não custa nada imaginar.

Seja qual for a próxima consola da Nintendo, os olhos vão estar todos postos nela. Se for como descrevi em cima, aposto já que será bem sucedida. Quem concorda?

 

Daniel Silvestre

Fã de jogos, filmes, anime e coisas do género. Jogo desde que me lembro e adoro RPG. Tenho uma grande colecção deles que tenciono acabar. Talvez um dia no lar da 3ª idade.

More Posts - Website

Follow Me:
TwitterFacebook

Daniel Silvestre

Fã de jogos, filmes, anime e coisas do género. Jogo desde que me lembro e adoro RPG. Tenho uma grande colecção deles que tenciono acabar. Talvez um dia no lar da 3ª idade.